tmo

Membro
  • #Conteúdo

    4507
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    0%
  • Content Ratings

    51
As minhas músicas favoritas

Reputação

343 Reputação Excelente

About tmo

Informação de Perfil

  • Género
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Cidade
    Portela LRS e Benfica... Lisboa, portanto
  • Instrumento
    Guitarra

Quem visitou o meu perfil

2961 visitas ao perfil
  1. Parti-lhe uma corda ontem, mas já estava velha (+ de 1 ano garantidamente). Vai ter de levar uma reviravolta na electrónica mais cedo ou mais tarde e consequentemente na pintura. Está funcional, mas não dá jeito nenhum a disposição das coisas, por isso, assim que tiver oportunidade... Aproveito para deixar aqui dois clips dela em acção, o primeiro é um improviso sobre uma backing track cuja origem perdi (não é minha). O segundo é um tema original meu que entretanto está a ser trabalhado na banda, aqui, a bateria é feita com o rato do PC...
  2. Ultimamente, as RG2027XVV tem tido cerca de 90% da minha atenção em comparação com as outras. Estão deliciosas de tocar, super fáceis e com um timbre de babar.
  3. Aqui em casa só param Ibanez também... 5 de 7 cordas, uma de 8 e duas de 6, sendo que uma destas é uma micro... Das de 7 tenho uma acústica, duas com floyd e duas de ponte fixa. Destas 2 últimas, uma é fretless e tem um sustainer. Estas 5 têm todas piezos, umas de raiz, outras adicionadas posteriormente. Do pacote completo, apenas a acústica e a micro não foram alteradas e apenas as de 6 cordas não têm piezos. As outras, entre mudança de pickups e avarias na electrónica, a completa avaria no look geral, levaram com Piezos e outras geringonças para ampliar drasticamente as opções tímbricas que tinham de base. As japonesas, da esquerda para a direita: RG7421 MIJ, RG2027XVV (comprada em primeira mão em 2001/2), RG2027XVV (comprada em 2ª mão em 2016), S540 MIJ (de 1996, comprada em primeira mão, foi a última guitarra a ser vendida pela Custódio Cardoso Pereira do Cascais Shopping). ... e uma foto de conjunto desactualizada, a RG8 aqui ainda se encontra original: Foto da RG8 depois de alterada, tem tido pouco uso ultimamente : ...e a fretless (uma RG7321 MIK?), aqui ainda com DiMarzios DA7, entretanto, levou com carrilhões Hipshot, um sustainer no neck e um DiMarzio D-Sonic 7 na bridge. Esta guitarra é uma pedra para fazer sons completamente fora do espectável:
  4. A mão de obra envolvida não faz o instrumento ser melhor. A partir de certo ponto, a coisa encarece por opções estéticas, não por opções funcionais... e pelo nome que vai atrás...
  5. É, provavelmente, das únicas guitarras de assinatura que compraria, caso tivesse carcanhol disponível. Esta tornou-se num modelo Premium da Ibanez, mas os pickups são diferentes e bem bonitos por sinal.
  6. Pois é malta, não é o Allen nem o boneco do Toy Story... é uma guitarra. Não é para todos, obviamente, mas parece-me sempre bonito ver a construção de um destes nossos brinquedos pelas mãos de senhores da guerra nesta arte... Aqui vai... Enjoy!.
  7. Gostei. É giro ver volta e meia pessoal que andou connosco na escola, no meu caso foi o Prof que aparece no fim do filme, o Ricardo Futre. Foi meu colega de turma do 9º ano... na altura tinha cabelo comprido e gostava de metalada...
  8. As primeiras versões da Focusrite foram identificadas como sendo fracas no que a ligar instrumentos directamente respeita. Há vários filmes na tubas em que o pessoal mete-lhes uma DI à frente.
  9. Claro,mas por favor usa correctamente o corrector do tele, afinal, é apenas uma máquina nas mãos de um ser pensante...
  10. Suar é a acção de produzir SUOR, aquilo que o teu corpo liberta pela pele quando está com calor... O que queres dizer é SOAR, cuja origem é a palavra SOM...
  11. Eu não concordo totalmente contigo sobre a inutilidade do COSM... mas também não tenho experiência com os outros jogadores. Esta cena do Headrush está a ser vendida pela AVID?
  12. estão a malhar na coisa, A Korg afastou-se um bocado dos FXs para guitarra... eu gostava era de um G-Force actualizado, seja pela TC-Electronic seja pela Electro Harmonixs (era muito fixe) ou pela Source Audio (tb era muito fixe).
  13. Processador de FXs fresquinho para o ano novo!
  14. Pedais fresquinhos para o ano novo!