xtech

Kit de unhas do Mark Knopfler

162 posts neste tópico

E este então, aquele solo final...

E neste, a mesma coisa, com um sentimento especial

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Um gajo até lhe perdoa ter tido a coragem de correr com o próprio irmão da banda que ambos criaram e desenvolveram.

Para canhoto até nem toca nada mal guitarra.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Foi o irmão e depois o baterista Pick Withers.  Nunca soube porque saiu o Hal Lindes, o guitarrista que veio a seguir nem era grande guitarrista.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

O Pick Withers tem toda a minha admiração. Além de tocar com muito bom-gosto teve momentos únicos que não se assemelham à forma de tocar de nenhum outro baterista que eu conheça. Nem vou mais longe, só o início de "Skateaway" por exemplo.

Não sabes do Hal Lindes porque não queres, ele faz hoje o mesmo que começou a fazer em 1985. Fui buscar a frase ao Wiki mas já sabia disto.

"In early 1985, while Dire Straits were recording tracks for their Brothers In Arms album, Lindes left Dire Straits to compose film soundtracks full-time."

Ironicamente, faz algo que o próprio Knopfler também é famoso por fazer :) .

https://en.wikipedia.org/wiki/Hal_Lindes

Nem ele nem nenhum outro, TODOS os guitarristas de apoio nos Straits foram uma desgraça, especialmente se comparados ao David. Safa-se um tal de Clapton mas foi uma curta parceria. :D Na verdade convenço-me que o Mark fez por despachar todos os que lhe poderiam fazer nem que fosse uma nesguinha de sombra, o homem estava mesmo determinado a subir bem alto.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

O ponto mais alto para mim foi a gravação de Love Over Gold, aquela batida na parte final, nunca mais a vi ser feita, nem no Alchemy. Além do mais, a batida dele dava um toque especial à música dos Dire straits.

Cá para mim saída do Hal Lindes foi poque o gajo era mais bonito que o Knopfler e ele estava a ficar chateado com isso LOL :)

O Eric Clapton fez muitas atuações com o MK, eram já velhos amigos..

Este tema ...

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 4 horas, paulosergio disse:

Cá para mim saída do Hal Lindes foi poque o gajo era mais bonito que o Knopfler e ele estava a ficar chateado com isso LOL :)

Ah pois e isso também. Tal como disse, os que lhe faziam sombra marchavam. :nojento:

21.jpg

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 4 horas, paulosergio disse:

(...) aquela batida na parte final, nunca mais a vi ser feita, nem no Alchemy. Além do mais, a batida dele dava um toque especial à música dos Dire straits.

Pelo pouco que compreendo e sei deve ser porque o Pick tocava essa parte do tema (assumidamente) em 16/4 enquanto os outros que lhe seguiram no assento faziam uma adaptação que nem era nem deixava de o ser.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

até o grafismo das capas do Alchemy é uma obra de arte.

enfim, coisas que se perdem com o digital.

a seguir ao Hal Lindes não curti muito os seguintes segundos guitarristas  :unsure: 

tirando o Paul Franklin , mas esse estava lá por razões especificas .

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!


Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!


Entrar agora