Tópicos

  1. Ajuda

  2. Procuro

  3. Teste

  4. Nova tecnica :D

  5. O Poder Da Resonância

  6. O Poder Da Resonância

  7. lojas mais baratas?

  8. Korg N264


  • Posts

    • Pelo o que o Dom Sigalas e o Loopop diz nos Q&A, o software e o mesmo, apenas os knobs, sliders, o teclado e a carapaça são diferentes do Montage para o Modx [e a polifonia... e o valor de amostragem dos samples]. Não estou preocupado com o valor dos samples [ou do DAC, como quiserem], porque ha formas de dar a volta ao assunto quer no instrumento, quer fora dele [EQ, compressão, etc]. E sejamos honestos, numa mix mal se nota, e ao vivo so os nerds como nos [aqueles 2 o 3 gatos pingados] e que ligam a isso.
      Se os Pink Floyd tocavam em Kurzweils digitais desde os anos 80 ate ha pouco tempo, não foi por isso que menos gente ia aos concertos e deixavam de comprar os albums [e eu, sendo um fã deles, não gosto da musica deles dos anos 80].

      Para ser completamente honesto, não acredito em equipamento que soe "mal". Acredito que todo o equipamento tem o seu lugar no acto criativo, mesmo ate aqueles pedais que ate o cão odeia e lhe mija em cima. O problema não esta no equipamento, mas no uso que se lhe da [na minha mui honesta opiniao]

      Se me dissesses que tens um EKO Panda ligado a um Boss metal zone, eu aplaudiria a experiencia.

      Se calhar ate e interessante... o meu barbeiro tem um, vou pedir emprestado...
    • Este baixo  no Nord tb está uma coisa...     Um ca ga notas tb no stand da Nord. São esses tipos de performances que eu gosto de seguir...   fds não posso ver estas cenas dá-me vontade de largar o tacho e dedicar-me à musica outra vez O prazer que o gajo tem a tocar... Impressionante.
    • Eu sigo nas redes. Mas gosto mais de ver demos de novos instrumentos. esta por exemplo Yamaha yc61     
    • Boas, Não conhecia o Alfredo ( já percebi que foi à trituradora do  The Voice e tal) Parece-me de nível mundial! Muitos Parabéns! Não me aprece que  te safes aqui na choldra do tugal...  Mas tens talento.
    • Estes teclados mid-range arraçados de flagships são  uma boa fonte de rendimento para as marcas porque vendem bem e dão  a ilusão do top mas depois  realidade é diferente... E não poderia ser de outra forma pois se não fosse os compradores de flagships  estariam a ser enganados. Nunca testei o MODX6 mas tive um MOX6 e reconheci-lhe varias falhas de qualidade começando pelo teclado que era mau ( igual aos dos órgãos PSR de 200/300€) e acabando na qualidade sonora que deixava um pouco a desejar. Provavelmente os conversores de baixa gama pois os samples eram teoricamente os do MOTIF. Para quem não é tecladista profissional, acho que são interessantes mas para quem leva a coisa mais a sério não me parece. O mesmo se aplica ao Korg Krome que e Rolands  F??? que seguem a mesma filosofia low cost com sons dos flagships. Se não estou em erro o MODX pesa menos de metade do peso dum Montage. Não sendo o peso indicador de qualidade, não deixa de ter o seu significado...  Obviamente que o peso maior é o do teclado FSX ( herdado do velhinho DX7 e que foi usado ao longo de 30 anos) com um mecânica de precisão  e peso a condizer. É outra loiça como se costuma dizer. Depois é o resto. Ainda hoje de manhã estive a tocar no meu Triton com 20 anos e está como novo ( excepto ou touch que já não responde a 100%).  É carro de combate que ainda me surpreende cada vez que o ligo. Pena ser branco e feio.  
  • Próximos Eventos

    Sem eventos