No Load Tone

346 Visualizações     3 comentários    

  Denunciar Entrada

No Load Tone é um tipo de potenciómetro para o tom de guitarra eléctrica em que ao escolhermos o máximo de tom o potenciómetro deixa de ter qualquer interferência no som, providenciando assim, o som total e sem interferência proveniente do captador.

Presente em algumas guitarras este potenciómetro faz um pequeno "click" na posição máxima e requer alguma força para o retirar dessa posição, o que pode dar a impressão de que algo está errado, mas, na verdade, é mesmo assim que funciona.

Partilha o conhecimento!



  Denunciar Entrada

O que diz a comunidade sobre isto?


@John10 tenho aqui uma dúvida...

Não é suposto um potenciómetro quando está no máximo ser um "no load tone", ou seja, a resistência ser zero? Isto porque um potenciómetro não é nada mais que uma resistência variável. Quando falamos de um pot de 500K não é expectável que a resistência vá dos 0 aos 500k?

Partilhar este comentário


Link to comment
Partilhar nas redes sociais

@xtech

Eu posso estar errado nesta explicação, mas o que eu entendo é que um potenciómetro tem uma banda de carvão e é nessa pista que existe a progressão do tone. O que acontece é que mesmo no máximo há contacto com essa banda. Portanto está no máximo mas ainda sofre consequências desse contacto, por muito pequenas que sejam.

O No Load, no caso da minha Fender Stratocaster, quer dizer que quando está no máximo não existe essa banda de carvão, porque foi raspada dessa parte (acho eu) no fabrico. Assim sendo é como se não houvesse potenciómetro.

Uma analogia seria olhar para algo através de um vidro que vai progressivamente do preto até ao transparente. O No Load significa que no máximo não há vidro e, consequentemente, não há qualquer interferência. Na prática a diferença não é muito notória, a meu ver.

Mas é assim, eu não sou a melhor pessoa para explicar as especificidades técnicas da coisa.

A minha intenção desta entrada era informar. Porque quando comprei a minha Strat nem nas lojas de música a que fui me sabiam explicar porque é que o potenciómetro "encrava" no máximo. Estive quase para o substituir porque pensei que estivesse avariado. Só mais tarde é que vim a saber que isso é característica desse tipo de potenciómetro e, como tal, estava tudo bem.

Partilhar este comentário


Link to comment
Partilhar nas redes sociais


Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora