LuisEmanuel

Membro
  • #Conteúdo

    621
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    0%
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

287 Reputação Excelente

1 Seguidor

Sobre LuisEmanuel

  • Aniversário 01-03-1987

Informação de Perfil

  • Sexo
    Masculino
  • Cidade
    Leiria
  • Instrumento
    Guitarra

Quem visitou o meu perfil

4032 visitas ao perfil

Favoritos

  1. Frank Gambale
    Palhetada Alternada

    Frank Gambale para mim é o Mestre dos Mestres...

    Aconselho todos os guitarristas e fazerem este curso... e o download do PDF que está free na internet basta procurarem.

    Deixo aqui o curso em video...

     


  2. Divulgação de bandas
    Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?
    On 2/15/2018 at 13:19, SantiagoRamires disse:

    ...
    Está disponivel nas plataformas online todas e Youtube.
    ...

    Creio que o problema com que te estás a deparar é exactamente este que referiste no início do tópico, na página 1.

    Eu sou um tipo já um bocado "cota" e estou habituado a outras formas de consumir música, mais apropriadas a outras gerações (passadas e ultrapassadas) mas creio que andam 800 milhões de músicos no mundo a achar que como a internet está em casa de "toda a gente" a sua música também estará.
    Digamos que é o colapso da "regra de três simples"!

    Viste os meus posts de Facebook desta semana? Não.
    Conheces a banda que gravei e que lançou um album exclusivamente online na semana passada? Não.
    Já deves ter ouvido aquele tipo argelino que tem um album com 500.000.000 de plays no Youtube?... Não.
    Ou o tipo que eu gravei e que tem uma canção com 160.000 plays?... Não.

    Mas a "Garagem da Vizinha", que dificilmente encontras na internet mas saiu em disco e em que os discos foram enviados para as cento e tal rádios e tvs nacionais, ouviste? Sim.

    Estilos musicais à parte, diria (sempre disse e continuo a dizer) que tudo o que pões na internet, desaparece.
    A internet tem mais ruído do que um rádio de onda curta mal sintonizado.

    Faz discos com capas apelativas e um bom Booklet (um livrinho com textos, fotos, etc.) imprime um press-release em papel e manda para todo o lado.
    Já agora, a Espanha fica aqui ao lado, tem 4 vezes a população portuguesa, o triplo do poder de compra e 10 vezes mais sítios para tocar. Também não custa lembrarmo-nos disso e mandar música para lá.
    O "orgulhosamente sós" está fora de moda e já se sabe o resultado que deu com a Albânia.


  3. Divulgação de músicas
    Divulgação das obras de músicos e artistas independentes

    Com o objetivo de contribuir para a divulgação das obras de músicos e artistas independentes, criamos a plataforma AGEDIR.  Essa plataforma é usada Lojas, hipermercados, restaurantes, hóteis e em tantos outros locais.

    Se desejas que as tuas obras obtenham mais reconhecimento, inscreve-te nesta plataforma e faz upload das tuas músicas. Todas elas serão disponibilizadas na plataforma MUSI e ficarão disponíveis para os nossos clientes as adicionarem às suas PLAYLIST. Em troca, terás as tuas musicas a serem divulgadas em centenas de locais e algum rendimento pela sua utilização.

     


  4. Promoção de músicas
    Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?

    Qual é a vossa estratégia para gerir e tirar o proveito maximo da musica que escrevem? 
    Como sucesso entendam concretizar todo o potencial das musicas que escrevem. 

    Como se dão a conhecer?

    Como investem o vosso tempo? 

    Como investem o vosso dinheiro? Na produção? Na promoção?

    Lançar singles? EPs? LPs? Publicar tudo ou só as melhores musicas?

     

    Partilhem as vossas formulas secretas.


  5. Envios transportes
    CTT?!?!?

    Utilizei recentemente o eurosender pela primeira vez. Satisfeito com a entrega e com o preço.


  6. Wah
    The New Pedalboard topic
    há 11 minutos, SYNAPSYS666 disse:

    Que impressões tens do Wahter? Ando a pensar nisso para uma miniboard, e pedais wah switchless e true bypass não abundam, muito menos poe essa preço...

    Boas!

    É um pedal e pequeno e bastante robusto (feito em metal), com a vantagem de se poder fechar as "abas" e encolher ainda mais quando não se está a utilizar. Em termos de usabilidade também é muito prático, tem dois sensores de pressão e basta colocar o pé em cima para accionar o pedal. Com dois toques simultâneos o pedal fica sempre activado, mesmo que retires o pé de cima do sensor, o que é bom para o utilizar como se fosse algum tipo de "filtro".

    Relativamente ao som gostei muito, tem um som envolvente e acho que tem um bom "especto" de frequências no que toca ao efeito de wah em si.

    Não sou muito experiente quanto a pedais de wah, o único que tive para além do mooer foi o Cry Baby Cgb 95, mas de qualquer forma, acho o mooer superior em termos de som. Se quiseres podes ver uma demo que fiz desse pedal aqui:

     


  7. Fontes Alimentação
    Daisy Chain vs fonte de alimentação

    Se quiseres info sobre as várias fontes de alimentação tem este site http://stinkfoot.se/archives/808

    Há fontes com nomes diferentes mas que são a mesma coisa, etc. E há outras que afirmam ter Saídas Isoladas e que não têm.É útil para teres uma ideia da comparação.

    Eu quando comprei preferi comprar um power supply (Carl Martin Pro Power V2) apenas porque não me apeteceu estar a experimentar a daisy chain e depois eventualmente não gostar e ter de gastar ainda mais dinheiro num power supply. Da Carl Martin não tenho nada a apontar.