Antonio

Membro
  • #Conteúdo

    1619
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    100%
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

528 Reputação Excelente

2 Seguidores

Sobre Antonio

Informação de Perfil

  • Sexo
    Masculino
  • País
  • Cidade
    Pinhal Novo
  • Instrumento
    Guitarra

Quem visitou o meu perfil

3929 visitas ao perfil
  1. Procura-se bateria e voz. Covers

    Procura-se bateria e voz para covers. Temas de 90/00 (Nirvana, Foo Fighters, Pearl Jam, etc) Malta rodada. Ensaios Lisboa
  2. GAHHHH!!!!!

    Comprei á pouco tempo uma Helix... As cenas digitais têm este problema, está sempre a aparecer algo novo e melhor. Mas até acho que neste caso não se ganha assim tanto com este em relação á Helix.
  3. NGD

    Eu gosto! Mas para comparar depende um bocado da Fender que for... è mais fino e rápido que 90% das Fender, isso é certo. Esta tem o Compounded Ratio, gosto disso. Na minha opinião é mais confortável que os da Ibanez porque sempre achei os Wizard necks muito "flat" atrás, tipo tábua. Este não é assim, é mais "C shape" mas fininho na mesma (não tanto como a Ibanez obviamente). Mas se passares algum dia pelo Pinhal Novo vem cá dar uns toques e tiras as conclusões
  4. NGD

    Obrigado a todos. Estou a gostar da guitarra. Depois faço um review mais detalhado. Ainda tenho de pôr cordas mais grossas e fazer setup. É uma seca as guitarras virem sempre com 0.009
  5. NGD

    Chegou hoje esta. É nice
  6. Ui...Até dói!!

    ahahah priceless! trair a mulher e dizer que a culpa é do porn
  7. Ui...Até dói!!

    exacto! Mostro muitas vezes este video aos alunos e amigos para provar esse ponto:
  8. Ui...Até dói!!

    RockGP, Pinhal Novo
  9. Ui...Até dói!!

    Eu nem, faço as contas… Medo! Mas alem da guitarra (e todo o equipamento associado) tenho studio e escola de musica. São Milhares!! Mas acho que a maior parte está pago.
  10. Subscritos no Youtube

    Há muito ruido sim. Mas a maior parte não está a fazer o que tem de ser feito! Acompanhar as tendências e estudar algoritmos. E não estou a falar de tendências musicais. Por exemplo, o Instagram e facebook agora estão a dar muito destaque aos diretos, é fazer diretos! O problema é que fazer promoção independente é muito trabalhoso. Para fazer promoção como deve ser, ficamos com o tempo super reduzido para fazer musica… Alem disso, não é de borla. Anúncios pagos são um must. Em fim, acho que pela primeira vez temos realmente possibilidade de fazer carreia independente. Mas com a democratização da carreira musical surge também o facto de que cada artista fica com uma fatia pequena do bolo. Ficar milionário com a musica e ser uma "Big Star" está a ficar cada vez mais impossível, mesmo com editoras á mistura. Viver confortavelmente a fazer musica de forma independente já será um objetivo mais real e muito prazeroso de se atingir. Quanto a ganhar seguidores, chamo a atenção para que se os posts nas redes sociais (incluindo o YT) sejam apenas anúncios para as musicas, não vai resultar. Tem a haver com as tendências… A tendência hoje em dia é as pessoas seguirem historias. Talvez encontrar interesses e assuntos para falar oferecer em forma de conteúdo e, pelo meio, ir pondo as musicas.. Ou interligar tudo. Este modelo é novo, estamos todos a tentar perceber como funciona. Os mais espertos vão prevalecer.
  11. Anya Karin - A song a month (ou tentar... LOL)

    Damn! A Anya disse-me, faz lá aí um projeto no StudioOne para eu gravar a guia para a próxima musica. Ok, criei o projeto e deixei-a estar de volta do teclado MIDI. E ela faz-me isto. Quase de improviso. Qual guia qual quê! Esta fica assim. Porra que até me arrepiei.
  12. Que strat escolher?

    Yap! A cena que me mais confusão é ver nas publicidades "warm Vintage tone", que raio! Já ouviram os álbuns antigos? 50s, 60s e 70s? Aquilo é giro mas é agudo e estridente para caraças! Warm? Nop!
  13. Que strat escolher?

    Sem dúvida! Eu já tive várias strats. O que me atrai nas mais modernas tipo essa Charvel é a facilidade em tocar. Sinto que as guitarras mais fiéis ao tradicional oferecem um pouco de luta... Durante anos gostei disso. Achava que dava carácter ao instrumento e que era preciso era treinar para tocar bem em qualquer coisa. Coisas de homem e tal! Agora estou a ficar mais velho.. Lol Já acho que os instrumentos são ferramentas e as guitarras modernas são ferramentas que ajudam em vez de complicar.
  14. Que strat escolher?

    Charvel Pro Mod DK24 HSS Vai ser a minha próxima guitarra