Azorean

Membro
  • #Conteúdo

    20
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    N/A
  • Content Ratings

    22
As minhas músicas favoritas

Reputação

0 Reputação Neutra

Sobre Azorean

Informação de Perfil

  • Género
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Cidade
    Ponta Delgada
  • Instrumento
    Guitarra

Quem visitou o meu perfil

77 visitas ao perfil
  1. Pois... por acaso o gajo mora na Freguesia a seguir à minha lol mesmo que tivesse interesse não podia entrar com outra guitarra em casa tão cedo, corro o risco de ser corrido ao biqueiro de casa eheh
  2. Por experiência própria, o mercado aqui é tão pequeno que para vender seja o que for (instrumentos), é quase dado.... Pode ser que até lhe saia a sorte grande, mas duvido!!
  3. Não me estou a queixar... tem um som brutal!! Mas não tenho mais nada :/
  4. A minha banda acabou à 10 anos +/-... nessa altura vendi quase tudo o que tinha, comecei agora (aprox. à 2 anos) a tocar novamente e a investir em material. Neste momento só tenho um Orange Dark Terror, com uma coluna Orange 1x12. Não tenho grande coisa para mostrar :/
  5. Quanto aos CD's, tens sempre a opção dos que dão para serem impressos numa impressora de jato de tinta. Normalmente as impressoras HP trazem um acessório de série para o fazer. Imprimi muitos numa impressora igual a esta: Espero ter ajudado
  6. Obrigado pela dica felizmente apareceu-me um guitarrista e estamos a ver no que dá. Se entretanto der em alguma coisa, irei editar o anúncio e comentar, se não der, comento apenas.
  7. Tal como prometido, aqui vai uma foto do meu arsenal. Como já tinha dito, sou um homem do HardRock/Metal, daí o tipo de Gear ser este. Como também já referi, adoro Ibanez e raramente consigo sentir "aquela coisa" por guitarras que vejo e experimento de outras marcas. Esta Gibson é de uma gama baixa (Special Fadded), no entanto experimentei-a e não consegui resistir. Ps. A casa está um Caos, não liguem porque foi antes da remodelação. A Ibanez "S" não é minha.
  8. Sinceramente para mim nada vai mudar. Da experiência que tenho com a SATA (Azores Airlines), quando levo a guitarra numa hardcase vai como "fora de formato" sem custos, se for com saco, vai comigo como bagagem de mão. Quanto às Lowcost, estou convencido que será mais um "extra" a cobrar mas poderá ir como bagagem de mão.
  9. Achei esta notícia interessante para quem viaja de avião com instrumentos: "No passado mês de Fevereiro o Parlamento Europeu aprovou uma resolução que define que os instrumentos musicais passam a ser considerados bagagem de mão, em voos no espaço da União Europeia. A resolução, aprovada por 580 votos a favor, 41 contra e 47 abstenções, vai facilitar em grande medida a mobilidade de artistas musicais que viajam com os seus instrumentos dentro do espaço comum europeu. Até à data, profissionais do ramo musical eram forçados a adquirir um bilhete duplo, para que pudessem transportar os instrumentos consigo no avião, caso contrário teriam de despachar os instrumentos, em muitos dos casos extremamente frágeis, juntamente com a restante bagagem de porão. O Parlamento Europeu toma assim uma decisão favorável para o ramo musical, terminando com as limitações e restrições que muitos músicos enfrentam na hora de viajar para outros países para actuar. “(29) Os instrumentos musicais devem ser aceites como bagagem de mão dos passageiros e, se tal não for exequível, ser transportados em condições adequadas no compartimento de carga da aeronave. De modo a permitir que os passageiros em causa avaliem se o instrumento pode ser arrumado na cabina, as transportadoras aéreas devem informá-los sobre a dimensão dos espaços de arrumação. O Regulamento (CE) n.º 2027/97 deve ser alterado em conformidade.” Em comunicado da comissão europeia pode ler-se: “Os músicos desconhecem frequentemente em que condições serão transportados a bordo instrumentos frágeis e, muitas vezes, extremamente caros. De acordo com a proposta, as transportadoras aéreas devem aceitar o transporte de instrumentos mais pequenos na cabina e indicar claramente as condições de transporte de instrumentos maiores no porão.” Caberá agora às companhias aéreas tomar medidas que permitam a acomodação dos instrumentos musicais na cabine de passageiros." Fonte: http://www.artesonora.pt/breves/instrumentos-musicais-sao-agora-bagagem-de-mao/
  10. 800 euros? Está barato, não se esqueçam que esta palheta já vem ensinada!!
  11. Deixei os Tesseract, Textures e Volumes para um próximo post...
  12. Obrigado, deve ter sido um projeto engraçado. Ontem através de um grupo de músicos Açorianos penso ter arranjado um baixista, a ver se corre bem... Afinal ainda há esperança
  13. Nem uma, nem outra... Só tenho uma RG Iron Label de 8 Cordas (RGIR28FE-BK), uma K-7, uma RG7420BP e uma semi-acústica que nem me lembro bem o modelo dela. De resto tenho as minhas duas primeiras guitarras que são da Yamaha, uma RGX (a guitarra onde faço experiências, tipo Frankeinstein) e uma Clássica que já não me lembro bem qual o modelo. Por ultimo veio a tal Gibson Special Fadded Worn Cherry que comprei a um amigo. Mal a experimentei, morri logo de amores por ela lol.
  14. Não me estava a referir aos comentários em relação à estética, eu quase só tenho Ibanez porque adoro o desenho, o som, o braço e outras características que só tenho encontrado nelas. Não tenho vergonha, adoro as minhas meninas Apenas quis lançar o mote Vou tirar umas fotos e depois meto aqui.