JebusSantos

Membro
  • #Conteúdo

    61
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    N/D
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

30 Reputação Boa

Sobre JebusSantos

  • Aniversário Dezembro 25

Informação de Perfil

  • Sexo
  • País
  • Cidade
    Belém
  • Instrumento
  1. Boss Katana: é do catano?

    e afinador
  2. Boss Katana: é do catano?

    Obg. Tanta coisa para saber Li que o amp ou o speaker é um bocado dado a demasiados agudos. Que pela app é possivel alterar isso, mas gosto de poder nao ter de ligar ao pc.
  3. Boss Katana: é do catano?

    @Thomasyoung, chegaste a fazer o video do Katana?
  4. Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?

    Ela já ganhou pelos vistos. Mas sem particularizar, basta passar por algumas "demos" colocadas por cá, para verificar a extrema qualidade que graceja por "aí". As vezes não é mais que a falta de sentido critico, outras vezes, é só mesmo a falta de noção. Atenção que não me refiro ao tópico, ou ao op do tópico. Ouvi o que foi colocado na página anterior, e não se encaixa no padrão que referi. Não está mal gravado. Está "limpinho", mas não é nada que vá sobressair com o que ha atualmente no mercado. O que digo é, se te dá prazer continua, é a evolução que por um laivo de sorte, e um bom contacto, levar a outro patamar. Quem sabe aparecer numa novela da TVI
  5. Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?

    Um exemplo de sucesso actual às custas dessa mentalidade pf
  6. Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?

    Tão errado... Tanto musica de cáca que anda a ser difundida nas radios. Meu caro, é preciso ter as costas bem quentes com um padrinho influente. Já foi o tempo em que o trabalho dava frutos
  7. Qual é a vossa formula para o sucesso numa banda de originais?

    Eu mandava as musicas para os youtubers da moda. Num mês era sucesso na Comercial e RFM.
  8. Cab Palmer 2x12

    pelo preço, 300€, só usadas e mesmo assim é dificil. parece-me que sugestões como mesa boogie ou mesmo orange sejam descabidas. anda uma Laney 2x12 a 210€ no OLX, se calhar é melhor opção.
  9. Porque insistir em rock e metal em PT ?

    Nem quer dizer que seja bom. Vemos "artistas" a lançar albuns, ou disponibilizar em plataformas digitais, que se estivessem sossegadinhos não sabiam o bem que faziam ao mundo. A sociedade vive a um ritmo muito rapido, e a propria musica é de consumo rapido e facil. Isso facilita formulas existentes. As empresas apostam naquilo que sabem que lhes pode dar lucro rapido. O ser bom é secundário.
  10. Porque insistir em rock e metal em PT ?

    queres parecer cooling
  11. Porque insistir em rock e metal em PT ?

    tanta asneira junta que é booling? Atirar um puto em pequeno contra 9 pinos?
  12. O TGP não morreu e está de boa saude. E não é um site, ou grupo de vendas ou uma rede social. é so...um forum. Não está a lutar contra nada, em contra si proprio, nem pretende exigir que nomes proprios etc. Sou membro desde 2007 e aquilo nunca esmoreceu. Pediu ajudas, e houve e ha quem da, mas nao quer ser mais nada que um forum. E esta punjante. Deve ser esse o segredo, nao ser mais papista que o papa
  13. O TGP, que deve ser só o maior forum dedicado à parte técnica da musica, nunca impôs nada. Tem os seus problemas normais, que são resolvidos. Já não vejo la nada a muito tempo. E o pessoal utiliza nicks e nome proprios. Num forum MUNDIAL com possivelmente o triplo, ou quadruplo de utilizadores que este forum.
  14. Ha malta de bem...longe Cada um deve ser livre de usar o que quer. Isto é apenas um forum, que por definição é um local de discussão. Nos dias que correm, por diversas questões (pessoais, profissionais, etc) as pessoas podem não querer utilizar a sua identidade. Não é uma questão de dever ou não dever, é uma questão de opção que deve existir sempre numa sociedade democrática. O livre arbitrio, algo que muitas sociedades ainda não tem. Saber que alguem é o joaquim, ou o guitargod, é indiferente. é um utilizador como outro qualquer e não é por chama-lo quim que o vai tormar mais proximo de mim.
  15. Não, honrar que seja os principios pelos quais me rejo. Tento não ser uma coisa e parecer outra. Acima de tudo ter consciência de quem sou e do que faço. Muitos não se podem gabar do mesmo. Mas a música é para ser rebelde