TiagoCA

Membro
  • #Conteúdo

    21
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    N/D
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

12 Reputação Neutra

Sobre TiagoCA

Informação de Perfil

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Cidade
    Porto
  • Instrumento
    Baixo

Quem visitou o meu perfil

770 visitas ao perfil
  1. A hora dos nossos relógios

    Acho que deu para perceber o que quis dizer.
  2. A hora dos nossos relógios

    Isso da Lua chama-se Gravitational Lock, ou Tidal Locking. A Lua está tão perto da Terra que fica a orbitar em torno da mesma, mas sem rotação. Acontece o mesmo com Mercúrio, em relação ao Sol. As estações do ano são definidas pelo ângulo de rotação da Terra, e não pela proximidade ou afastamento do Sol, como é comum dizer-se, e como já aqui foi referido. Quanto às horas do dia, a questão não é assim tão simples. Como também já foi dito, a Terra faz uma elipse à volta do Sol, e não uma circunferência. Portanto, a velocidade da Terra não é constante, aumenta quando está mais perto do Sol e diminui quando está mais afastada. Ver primeira e segunda Leis de Kepler. Além disso, o dia não tem 24 horas, tem menos 4 minutos, sensivelmente. Daí haver anos bissextos.
  3. "This study evaluates the effectiveness of the novel BNT162b2 mRNA vaccine1 against Covid-19 in a nationwide mass vaccination setting. Estimated vaccine effectiveness during the follow-up period starting 7 days after the second dose was 92% for documented infection, 94% for symptomatic Covid-19, 87% for hospitalization, and 92% for severe Covid-19." https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMoa2101765
  4. "The ongoing Phase 3 clinical trial of Pfizer/BioNTech's coronavirus vaccine confirms its protection lasts at least six months after the second dose, the companies said Thursday. The vaccine remains more than 91% effective against disease with any symptoms for six months, the companies said. And it appeared to be fully effective against the worrying B.1.351 variant of the virus, which is the dominant strain circulating in South Africa and which researchers feared had evolved to evade the protection of vaccines, the companies said." Uma vacina anual seria muito bom. Vacinas e máscaras. A única forma de avançarmos. https://edition.cnn.com/2021/04/01/health/pfizer-covid-vaccine-efficacy-six-months-bn/index.html
  5. Eu como trabalho há mais dum ano 50 horas por semana de fato Tivek, viseira, touca, sapatas e duas máscaras, não tenho grande paciência para "opiniões" vindas de vídeos e posts de Facebooks e afins. Nem do Rogeiro, já agora. Que eu saiba, não é médico. Obviamente que não podemos obrigar as pessoas a ser vacinadas. Um egoísta não irá mudar dum dia para o outro. Mas acho que quem não quer ser vacinado, também devia assinar um papelinho para, se ficar doente, não ir chorar para os hospitais. Passa para o fim da fila dos internamentos. Os profissionais de saúde agradecem. Também proponho que quem recusa a vacina ou acha que isto é uma gripe, experimente um dia na uci, de fatinho, máscaras e o resto da tralha, a mudar as fraldas aos pacientes. Para ter uma perspectiva da realidade. Saíam a chorar como uns meninos.
  6. Não digas disparates. É o que dá ler artigos, mas do jn, em vez de científicos. 3 meses é o TEMPO MÍNIMO de imunização confirmado, porque os estudos não foram além desse período. Obviamente isso não quer dizer que ao fim de 3 meses a imunização deixa de surtir efeito.
  7. Vai melhorar lentamente, este ano. As máscaras são indispensáveis e as vacinas são fundamentais neste processo. É um disparate completo dizer que as vacinas são inúteis, porque não se sabe o tempo de imunização que conferem. Mesmo que seja curto, 6 meses, 1 ano, continuam a ser (juntamente com as máscaras), a única solução para a reabertura. As vacinas não conferem só imunidade. Reduzem a probabilidade de infecção a outras pessoas, reduzem a probabilidade de re-infecção no próprio indivíduo e reduzem enormemente a gravidade da doença, no caso de infecção mesmo com vacina. Provavelmente será uma vacina a tomar anualmente, como a da gripe. Nestes primeiros anos até poderá ser bi-anual. Venha ela. As máscaras acabarão por entrar nas rotinas das pessoas. Penso que aquelas imagens que víamos do Japão nos tempos pré-covid, com pessoas na rua e nos comboios de máscara, passarão a ser normais também na Europa.
  8. Baixista / Contrabaixista eclético

    .
  9. Baixista / Contrabaixista eclético

    .
  10. Blogs de música em Portugal

    Blogs não conheço, mas sigo um site português sobre jazz: www.jazz.pt
  11. Os barretes e relíquias do OLX

    Isso mesmo. Eu estava a brincar, é o meu personagem preferido do Tintim.
  12. Os barretes e relíquias do OLX

    Ahah, sim, é mais ou menos isso! Não vale nada, mais vale comprar um banco decente. E completo, de preferência! Algum parentesco com o famoso Senhor Oliveira da Figueira?
  13. Os barretes e relíquias do OLX

    Não. Aquilo é um apoio para banco de piano. Falta o assento.