GANHA 1 pedal Digitech TRIO Band Creator aqui no Forumusica! Consulta aqui o regulamento!

tubeholic

Membro
  • #Conteúdo

    3479
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    100%
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

286 Reputação Excelente

Sobre tubeholic

  • Aniversário 04-07-1976

Informação de Perfil

  • Sexo
    Masculino
  • Cidade
    Odivelas, Lisboa
  • Instrumento
    Guitarra

Quem visitou o meu perfil

6117 visitas ao perfil
  1. Epá, definitivamente, não. Tenho mais de 12 anos deste fórum, conheço e sou conhecido de vários participantes pelo nome e pelo nick. Acho que está muito bem assim, e que cada um mantenha a prorrogativa de expor ou não informação pessoal da forma que muito bem entender. Eu não quero nem nome, nem facebook associado, nem mais qualquer tipo de digital footprint. Se isso se tornar mandatório, peço que cancelem desde já a minha conta.
  2. The Complete Telecaster Vol II

    Caramba, tenho andado fora e não apanhei o desenvolvimento da peça. Gosto do aspecto disso. Já quanto a usar o ferro... Olha, eu deixava isso como está. Partscaster com pinta!
  3. The Complete Telecaster Vol II

    The force is strong with this one. Brutal!
  4. GAS por AMPS

    Ahahahah
  5. GAS por AMPS

    Chamaram? Takes pedals like a true champ! O forte deste amp é mesmo o clean IMO, muito detalhado e espectacularmente potenciado com o Celestion. O Scorpion é muita farsola, nãn gosto. O canal do drive é fixe se se mantiver o gain no 1º ou 2º quarto de volta do pot, e o supersat desligado. Tem um reverb do cacetão. Não avaria, fdx. Na eventualidade de holocausto nuclear, sobrevivem algumas bactérias, fungos, baratas e os Bandits desta época. Há pouco tempo levei o amp para uma jam com uns amigos e o cabrão encantou toda a gente. Toca alto como o raio e toca bem, muito bem! Pelo preço não conheço nada melhor. Comprei por graça há uns tempos, mas tá a ocupar espaço e está na altura de ir fazer outras pessoas felizes. My loss, your gain. A propósito: Estou praticamente a oferecer o amp, e como consequência está praticamente vendido (but it ain't over till it's over), e não há flexibilidade no preço, sorry folks. Abraços
  6. Guitarra Floyd Rose

    Claudio, se tiver mesmo que ser, o Floyd da Schaller é o melhor que conheço. Os das Ibanez RG (500 para cima, tipo Lo-Pro Edge), da década de 90 tb não eram nada maus. Se não tiver que ser com floyd, posso dizer-te que o velhinho tremolo synchronized de strat, ou um de dois pivots tipo wilkinson, com uma boa pestana e um bom setup dá para abusar mesmo à bruta com dive bombs e o cacete e manter a afinação tranquilamente, sem devassar o aspecto da guitarra. Dá uma espreitadela nas Ibanez RT que me parecem que trazem um bom tremolo e têm boa pinta. Boa escolha.
  7. Guitarras Made In Japan

    A minha é uma 600, e confirmo o que foi escrito aí em cima pelo stratocosta.
  8. Guitarras Made In Japan

    Ficou porreira. Essa pickguard já era assim?
  9. Guitarras Made In Japan

    Olha... Quando fiz o negócio, a minha motivacao foi a tele. Acabei por achar graça à pacifica, por ser antiga, e ter aquela patina de guitarra que tá bem rolada, mas bem cuidada. Tipo cota enxuta, tás a ver? Curto isso. E depois curto muito duas coisas: o tremolo é maquinado a partir de uma única peça (tipo os da PRS quando eram bons), e o humbucker que na realidade são dois verdadeiros singlecoils, ie, com o push pull, tenho o som de um verdadeiro single-coil, e não aquela cena do coil split dos humbuckers tipicos. Os tuners são sperzel, a pestana é em grafite, e o braço é wide mas bojudo. Epá, like! Eu continuo a achar que é um bocado anónima, nem carne nem peixe, visualmente falando. Mas agarrou muito mais a minha atenção do que a tele durante o FdS. E rasmaparta se isto não é que uma boa guitarra tem obrigação de fazer. Rendo-me portanto às evidências e dou como tal a mão à palmatória, xor Naos. Não será a minha melhor guitarra, cada Maria tem um lugar especial para mim, e aquela Strat preta parte a louça toda. Mas esta é um docinho, é sim senhor.
  10. Guitarras Made In Japan

    A minha troika de asiáticas: As das pontas são japonas, a do meio é uma pacífica tailandesa de 94, creio, e veio por acréscimo com a tele. Sim :), é uma pacífica, @nunonaos
  11. Se pudessem ter a guitarra de alguém famoso...

    Méne, e a camisola?!?! Eu quero é uma camisola igual a do BMay. On topic, a Maccaferri do Django:
  12. Ajuda para nova guitarra

    P90s then.
  13. Ajuda para nova guitarra

    O problema das pacíficas é alguma falta de identidade, aquilo não é bem carne nem peixe... Pessoalmente gastaria um pouco mais e tentava agarrar uma Yamaha Revstar. Que guitarras do cacete!
  14. Palhetas !

    Eish ca bruto!
  15. Ajuda: Fender Frontman 212R

    Boas. Olha, não compres o frontman. O Roland é um bom amp, apesar de digital, melhor que o frontman. Se quiseres um solid state, feito com componentes discretos por gente que perdeu tempo a fazer as contas ao voicing de um amp, com volume para cacete, baratuxo, com bom som limpo, que aguente tudo e mais alguma coisa, tenta ver se encontras um Peavey dos antigos made in USA. São feios como o raio que os parta, mas dentro do genero são muito fixes e dão 15 a zero aos Frontmans. Costumam aparecer bem baratinhos. Se puderes gastar mais uma beca para comprar um amp a válvulas, o Fender HRDeluxe tem volume a dar com um pau. Se puderes micar e não for preciso tanta artilharia e quiseres um ampzito a valvulas, com um som maduro, mais elástico e fácil de gerir sem te levar à falencia, epá, um pro junior. E um mxr micro amp, vá. Isto já dá para fazer umas umas flores à maneira.