glaubersw

Membro
  • #Conteúdo

    4
  • Registado Em

  • Última Visita

  • Feedback

    N/D
As minhas Músicas Preferidas

Reputação

6 Reputação Neutra

Sobre glaubersw

  • Aniversário 06-09-1988

Informação de Perfil

  • Sexo
    Masculino
  • País
    Portugal
  • Cidade
    Porto
  • Instrumento
    Guitarra
  1. Gibson compra Mesa Boogie

    Isto lá faz bastante sentido. E seria excelente ver isso acontecer, caso a Gibson consiga não estragar a coisa toda (como tem acontecido repetidas vezes nos últimos anos). Os amplificadores Gibson eram basicamente versões dos amplificadores Fender da mesma época, muitos dos quais a Fender reedita até hoje. Seria interessante vê-los atualmente a competir com a Fender em amplificadores low-output, caso os preços fossem mais baixos. Creio, porém, que este não é o jeito Gibson de fazer as coisas. O tempo dirá.
  2. Pedais de guitarra como outboard gear

    Olá, malta! Gostaria de saber vossas experiências utilizando pedais de guitarra como outboard gear quando mixando suas produções. Atualmente utilizo possuo alguns pedais analógicos que gosto muito de utilizar em diversos contextos de mixagem, ao invés de racks de efeitos ou plugins. São porreiros, mas caros. Os pedais são pequeninos e normalmente têm menos parâmetros que possamos "tweakar". Justamente por essa simplicidade e mentalidade de "menos é mais", adoro utilizá-los. Meu set de pedais "de mix" é composto de um vibe/phaser Diamond, um booster Throbak e um delay Echoplex. Uso-as através de um reamp Pro RMP, com as faixas saindo para o bus de uma aux track que o tem como input. Pretendo adquirir no futuro um reverb Eventide Space, pois se trata de uma ferramenta completa para reverbs de estúdio. Me agrada muito o som com mais "assinatura" dos pedais. Pedais compressores e filtros (com e sem vacuum tubes, das mais diversas marcas) também devem soar incrivelmente em mixagens. Lembro-me daqueles Moogerfoogers que a Moog produzia antigamente, e penso que devem ser máquinas sonoras bestiais pelo nível de controle dos efeitos! Já fizeram uso de vossos pedais desta forma? Quais configurações? Possuem combinações e setups favoritos para determinados tipos de instrumento? Saudações cordiais, G.W.
  3. Apresentação a esta bela comunidade

    Muito obrigado, xtech! O Porto é uma cidade que me encanta desde tenra idade. Viver nela é um privilégio e uma oportunidade. Creio que desafios estão em todas as escolhas profissionais que fazemos, em menor ou maior grau. Música é realmente uma área com forte tendência de subvalorização, mas não há nada que resista a doses significativas de trabalho bem-feito dia após dia. Pelo menos essa é a minha aposta. Então estamos juntos nesta, pois ainda me incluo na distinta classe de músicos amadores de quarto. Inclusive, é onde fica meu home studio. Lembro que há alguns anos, quando o rótulo de "BGP" (ou bedroom guitar player) ainda era considerado pejorativo, começaram a surgir canais no Youtube dedicados a testes de equipamentos e todo o tipo de malabarismo técnico-musical. Todos obviamente gravados nos quartos de seus criadores. Logo os BGPs adquiriram status de instrumentistas respeitados e o estereótipo do BGP como um musicista frustrado foi se apagando. Agradeço a receção e espero poder contribuir com as discussões de alguma forma. Um abraço, G.W.
  4. Apresentação a esta bela comunidade

    Olá, amigos! Estou muitíssimo satisfeito em ter encontrado este fórum onde tanta informação útil é compartilhada por e para amantes dos instrumentos musicais. Me chamo Glauber Wisniewski, e há pouco tempo moro no Porto. Comecei o curso de Produção Musical da ProDJ e pretendo trabalhar em tempo integral na área de produção musical/engenharia de áudio/sound design. Uma aposta ousada, a bem da verdade, mas que penso ter possibilidades muito recompensadoras. O fato de ter decidido por esta carreira aos 31 anos (tenho 32 agora) e depois de uma década dedicada a outra área (sou psicólogo por formação) representou uma guinada em direção à felicidade em minha vida. Toco guitarra (a nível intermediário) e teclado (a nível iniciante/intermediário). Tenho estudado bastante teoria musical e edição de som/gravação (Pro Tools, Reaper, FL e Live). Estou montando um pequeno e efetivo home studio. Gostaria, desde já, de me botar à disposição de membros da comunidade que tenham interesse em produzir, gravar, mixar, masterizar ou simplesmente conversar sobre possibilidades para seus sons. Faço isso de forma totalmente voluntária enquanto estudante de produção, pois tenho muito interesse em aprender mais e adquirir experiência em diversos estilos musicais. Será um prazer enorme participar deste riquíssimo fórum e aprender com todos aqui. Um grande abraço a toda a malta! G.W.