Procura na Comunidade

Resultados de tags 'fuzz '.



Mais opções de procura

  • Procurar por Tags

    (Opcional) As tags ajudam a encontrar este conteúdo. Escrever tags separadas por vírgulas.
  • Procurar por Autor

Tipo de Conteúdo


Comunidade

  • Geral
    • Discussão Geral E Cultura
    • Divulgação
    • Apresentações
    • O Cantinho da Thomann
  • Divulgação
  • Teoria Musical
    • Teoria e Composição Musical
  • Guitarra
    • Guitarra
    • Amplificação
    • Pedais e Efeitos
    • Instrução e Técnica
  • Baixo, Bateria, Teclas, Voz e Outros Instumentos
    • Baixo
    • Voz
    • Bateria e Percussão
    • Teclas - Pianos, Arranjadores e Sintetizadores
    • Outros Instrumentos
  • Faça Você Mesmo (DIY)
    • Projetos de DIY
  • Som
    • Estúdio
    • Ao Vivo e em Palco
    • Vintage e HiFi
  • Novidades e Ajuda
    • Novidades e Regras da Comunidade
    • O Forumusica: ajuda e opiniões
  • Banda Exemplo's Tópicos
  • MÚSICOS EM LISBOA's Tópicos
  • Músicos em Braga e arredores's Tópicos
  • Mixing in The box.'s Tópicos
  • Mixing in The box.'s Tópicos

Categorias

  • Busca Músicos

Categorias

  • Guitarras
  • Baixos
  • Peças Guitarra e Baixo
  • Bateria e Percussão
  • Pianos e Teclados
  • Amplificadores de Instrumentos
  • Pedais e Efeitos
  • Coisas para DIY
  • Áudio Profissional
  • Outros Acessórios
  • Outros Instrumentos
  • Livros e Revistas
  • Álbuns e Bilhetes

Categorias

  • Técnicos e Luthiers
  • Lojas
  • Formação e Ensino
  • Estúdios
  • Salas de Ensaio
  • Aluguer de Som e Luz
  • Fotografia e Imagem
  • Produtoras e Editoras
  • Importadores
  • Fabricantes
  • Desenvolvedores de Software Musical
  • Bares e Sítios para Tocar
  • Outros Serviços para Músicos

Categorias

  • Dicionário

Categorias

  • Guitarra
  • Baixo
  • Efeitos
  • DIY
  • Gravação e Som

Categorias

  • Música e Cultura
  • Teoria Musical
  • Guitarra
  • Electrónica Musical
  • DIY
  • Baixo
  • Teclas
  • Gravação e som

Calendars

  • Concertos
  • Workshops
  • Banda Exemplo's Calendário
  • MÚSICOS EM LISBOA's Eventos
  • Músicos em Braga e arredores's Eventos
  • Mixing in The box.'s Eventos

Categorias

  • Testes de Cultura Musical
  • Testes de Teoria Musical
  • Testes de Gravação e Estúdio

Estilos Musicais

  • Ideias (Permite Download)
  • Alternativo
  • Baile
  • Blues
  • Country
  • Folk
  • Fusão
  • Jazz
  • Metal
  • Clássica
  • Pop
  • Reggae
  • Religiosa
  • Rock
  • Techno
  • Outro
  • Banda Exemplo's Player
  • MÚSICOS EM LISBOA's Player
  • Mixing in The box.'s Player

Blogs

Não há resultados a mostrar.

Não há resultados a mostrar.


Tipo de Membro


Está online?


Com Foto?


Número de posts

Entre e

Idade

Entre e

Último post

Entre e

Telemóvel


Cidade

Encontrado: 2 resultados

  1. A Tone Electronix é uma marca de um nosso companheiro de fórum @zedsnotdead e que agora se aventurou num pedal que sai fora do que poderíamos designar por clone: o Animalizzer. O Animalizzer é uma versão expandida do EHX do Big Muff. Não se trata de mais um clone do Muff handwired, com componentes melhores e pós de unicórnio. Para se ter uma ideia, no Big Muff controlamos 3 parâmetros e aqui controlamos 9! Enquanto no Big Muff controlamos Volume, Brilho (Tone) e Ganho (Sustain), neste caso os controles incluem também Profundidade (graves pré-distorção), Graves (pós distorção), Médios, Pre-gain (ganho a montante do circuito) e dois controlos de clipping em duas fases do circuito (Stage 1 e 2). Podem parecer demasiadas opções (e são!) mas neste pedal é difícil regular um mau som para onde quer que os botões rodem ou os switches sejam posicionados. Há sempre um som usável num qualquer contexto. Além disso, os controlos são auto-explicativo e fazem exatamente aquilo a que se propõem. Coloquei o pedal ao lado de um (Little) Big Muff com os botões às 12h (com excepção do volume) e consegui o mesmo timbre com alguns ajustes (ver 2ª parte do vídeo). Reparem que os médios estão no mínimo e os graves quase no máximo. Isto mostra que o pedal está bem concebido pois uma coisa que o Big Muff não precisa é que lhe acrescentem mais graves ou retirem mais médios. Onde se abre um novo mundo é exactamente na possibilidade de controlar graves e médios. As opções de Stage 2 também são muito interessantes e úteis: os timbres são distintos uns dos outros e o leque de dinâmica do pedal também é expandido de uma maneira bem interessante e útil. Temos 5 opções de clipping (distorção do sinal): diodos de silício (com o menor headroom e iguais aos usados no Big Muff), transístores Mosfet, diodos de germânio e, finalmente, diodos LED (com o maior headroom, volume e transparência de todas as opções). Ao princípio fiquei um pouco desapontado com o selector do Stage 1 porque não ouvia diferenças. Cheguei depois à conclusão que para se sentirem as diferenças é necessário puxar o Depth, o Fuzz e/ou o pré-gain para níveis elevados e usar as opções de Stage 2 com menos headroom (Si ou Ge). Dos testes que fiz não consegui perceber a diferença sónica entre obter a distorção a partir do botão fuzz ou do botão de pré gain. Por exemplo: fuzz no máximo e pré-gain às 12h soa-me idêntico a pré-gain às 12h e fuzz no máximo. Em todos os modos de clipping isso acontece e a dinâmica do pedal ao baixar o volume da guitarra mantém-se. Em termos práticos, a vantagem do pré-gain parece-me ser o de obter níveis de saturação bem abaixo dos possíveis com um Big Muff convencional e não o de dar um caráter diferente ao timbre. A qualidade de construção do pedal é absolutamente irrepreensível e algo que já me tinha apercebido noutros pedais da Tone Electronix. As soldaduras estão impecáveis e a “limpeza” na arrumação dos diversos componentes e a qualidade dos mesmos (da tomada de alimentação aos condensadores) é muito acima da média dos pedais high-end e boutique que tenho visto. Em suma, o pedal é um Muff espetacular, poderoso e versátil é extremamente bem construído. A opção de Stage 1 parece-me não acrescentar grande valor ao pedal principalmente quando comparada com a eficácia dos restantes controlos mas demonstra a vontade do construtor em não deixar nenhuma opção por explorar. Se gostam da “wall of sound” que só um Muff consegue gerar mas gostariam de expandir a palette de timbres neste campo não me estou a lembrar de nenhuma outra opção que consiga bater o Animalizzer. Resta-me desejar sorte à Tone Electronix e que continue a explorar o filão dos desenhos originais (dentro do possível dentro de um mercado tão diverso e “batido”) que tragam opções interessantes para os guitarristas e tone hounds. Recomendo que vejam também esta excelente demo do canal TerenceHillDesigner:
  2. Fuzz & Clean up

    Viva! Não sei se isto seria mais apropriado de colocar especificamente no tópico dos pedais de fuzz, ou se esse serve para a malta mostrar os próprios pedais e discutir experiências. Anyway, queria perguntar-vos sobre exemplos de fuzzes que já tenham experimentado que tenham estas características: - gain suficiente para um lead tone saturado em que as notas não "morrem" facilmente - cleanup (é das coisas que estou a valorizar mais, idealmente o som ficaria completamente clean ao tocar com pouca força, breaking up com mais força - LED e suporte para power supply que não seja uma pilha de 9v não são imperativos, mas dou preferência a isso Se alguém tiver algum input em relação a transístores de germânio ou silício para este efeito, agradeço também - na minha ideia, o cleanup é mais característico dos de germânio mas posso estar errado. A menos que esteja enganado, penso que os circuitos de um fuzz face (face aos circuitos tipo Big Muff ou Tonebender) também serão os que me permitirão limpar melhor com o volume da guitarra. Curtia experimentar um Oxfuzz II ou Sunface, mas as taxas alfandegárias são uma dor de cabeça enorme. O vendedor do Oxfuzz diz que envia os pedais internacionalmente como se fosse um repair de $60, mas pelo que andei a ler, isso não cola com a ATD e acabam por cobrar taxas como se estivesse a comprar o produto novo... Cumps, Gustavo