stratocosta

A influência das quebras das vendas na qualidade da produção musical presente e futura



Posts Recomendados:

Pai da Gina    1761

Lá está, por isso é que eu falei em "públicos".

O público de uma orquestra está à espera de determinado resultado que se não for atingido, certamente deixa de comprar os cds/vinis.

Já o público de uma banda lo-fi...também está à espera de determinado resultado, mesmo sendo o contrário ao exemplo acima :D

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Npereira    1012

Offtopic:

 

@Canoxa por acaso tenho esse dvd (BlueRay), e devo dizer-te q um documentário muito bom. Não só para fans da banda, mas como curiosos do processo de gravação de um álbum.

 

Está um documentário muito “cru”.

 

Ontopic:

 

Eu acho q o consumidor, tirando uma minoria como é óbvio, está menos exigente em relação à qualidade de áudio da musica que ouve. Não falo só na gravação e masterização em estúdio, mas também na forma como ouve a musica.

 

Acho que a aposta num estúdio + engenheiro(s) de som para a gravação do álbum, é uma forma de garantir algum profissionalismo no trabalho que um musico está a editar, bem como conseguir apresentar o seu produto o mais “polido” possível, para que sinta o maior orgulho no resultado final, e não para os seus fans… se é que me estou a fazer entender… Os fans, tirando uma pequena franja, se puder não compra o EP, mas faz o download ilegal.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Canoxa    178

Offtopic:

 

@Canoxa por acaso tenho esse dvd (BlueRay), e devo dizer-te q um documentário muito bom. Não só para fans da banda, mas como curiosos do processo de gravação de um álbum.

Qual?

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
stratocosta    3571

Eu acho q o consumidor, tirando uma minoria como é óbvio, está menos exigente em relação à qualidade de áudio da musica que ouve. 

 

o consumidor genérico sempre foi pouco exigente ( aliás ,exigente , só conheço o Alribas que não ouve Hendrix devido a má qualidade das gravações , prefere as covers :nojento: ),

 

antigamente grava-se direto da rádio , passava-se cd´s para k7 e por aí fora. 

 

a qualidade não passa só pelo material usado. a produção é importante e sabemos bem que alguns trabalhos e artistas eram bem "massajados"  antes da edição. 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Npereira    1012

o consumidor genérico sempre foi pouco exigente ( aliás ,exigente , só conheço o Alribas que não ouve Hendrix devido a má qualidade das gravações , prefere as covers :nojento: ),

antigamente grava-se direto da rádio , passava-se cd´s para k7 e por aí fora.

a qualidade não passa só pelo material usado. a produção é importante e sabemos bem que alguns trabalhos e artistas eram bem "massajados" antes da edição.

Ainda foste mais atrás do q eu... À cabeça veio-me a malta preferir o mp3 ao dc de áudio, sabendo nos q o mp3 é 1 ficheiro comprimido, logo com menos qualidade q o primo wav

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
alribas    2556

o consumidor genérico sempre foi pouco exigente ( aliás ,exigente , só conheço o Alribas que não ouve Hendrix devido a má qualidade das gravações , prefere as covers :nojento: ),

 

antigamente grava-se direto da rádio , passava-se cd´s para k7 e por aí fora. 

 

a qualidade não passa só pelo material usado. a produção é importante e sabemos bem que alguns trabalhos e artistas eram bem "massajados"  antes da edição. 

 

Por acaso considero-me um consumidor generico, quando ouço musica nao estou preocupado com o material usado, com as tecnicas de gravaçao, o local e essas paneleirices.

Ha que separar as coisas, uma e ter gosto de saber essas coisas, outra é ouvir a musica por aquilo que ela pode representar. Irritam-me aquelas pessoas que vao ver um concerto e estao constantemente a procura de falhas.

 

Eu desligo de tudo o resto, ate das proprias letras que ouço apenas como mais uma melodia.

 

90% do tempo que ouço musica é no carro, nao me interessa se foi gravado num convento ou numa garagem, digital, analogico, ou mesmo se foi um piriquito que ouviu e reproduziu num vinil com o bico.

 

Quanto ao Hendrix, ja esta na altura de ultrapassares o trauma, :P nao é dos sons que mais me agradam, sejam gravaçoes em estudio ou ao vivo.

La pelo homem ter sido o maior de todos os tempo nao significa que todos tenhamos que gostar a força toda. Gosto da composiçao, nao acho que o som esteja a altura, dai preferir muitas vezes, covers de musicas dele.

 

A musica pode ser estudada e dissecada ate ao mais pequeno pormenor ou simplesmente ser ouvida. Eu fico-me apenas pela 2ª ja que a primeira nao me faz vibrar da mesma forma. Isso nao e ser pouco exigente.

 

A verdade e que meio mundo anda a ouvir musica no telemovel com phones feitos na china, nao ha estudio xpto ou material xpto que nos valha. -_-

Banda que se interesse faz musica que as pessoas queiram ouvir, andar a publicitar o resto é apenas marketing. :nojento:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
stratocosta    3571

Por acaso considero-me um consumidor generico, quando ouço musica nao estou preocupado com o material usado, com as tecnicas de gravaçao, o local e essas paneleirices.

 

tás "preocupado" , tás. 

 

mas da vertente do gear do guitarrista. ouves o Boamassa ou John Maia e vais logo chekar o gear deles  :nojento:

 

eu não "preocupo" , é curiosidade técnica de saber como se criou um determinado som.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
alribas    2556

tás "preocupado" , tás. 

 

mas da vertente do gear do guitarrista. ouves o Boamassa ou John Maia e vais logo chekar o gear deles  :nojento:

 

eu não "preocupo" , é curiosidade técnica de saber como se criou um determinado som.

 

Não, não estou preocupado.

 

Essa tal curiosidade sobre o gear é algo que faço noutra altura. Quando ouço musica nao me interessa se usam a guitarra x ou o amp y, a nao ser que esteja a procura de algo especifico mas normalmente nao o faço.

 

Atençao que nao vejo mal nisso, cada um faz aquilo que gosta.:)

 

As vezes tambem sou obrigado a prestar atençao a certos pormenores, alguns riffs mais interessantes e tal, mas isso, normalmente, e algo que depois faço a parte.

Mas isto é como "musico" pois como simples ouvinte nao quero mesmo saber se onde e como gravaram.

 

Mas isto sou eu que para me lembrar do nome duma musica... :facepalm:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Jotacaster    0

Não te interessa desde que o som esteja lá!

Com certeza que notarás diferença e, não te interessando como foi feito, a partir do momento que o resultado final te agrada, faz diferença a forma como foi gravado!

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora