exmusico

Os barretes e relíquias do OLX



Posts Recomendados:

kyuuga    69

Um bocado off-topic mas será que sou o único que fica ligeiramente incomodado sempre que vejo "DISPENSA APRESENTAÇÕES" num anúncio?

É mesmo obsceno e revela uma total falta de esforço em vender o produto.

Imaginem irem a loja qualquer, perguntar sobre um artigo no qual estão interessados e vem o vendedor e diz "olhe amigo isto dispensa apresentações". É assim que imagino o pessoal que põe isso nas descrições dos anúncios.

/rant over, precisava de tirar isto cá para fora :D

  • Gosto 5
  • Riso 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Rui T    1534
há 16 horas, kyuuga disse:

Um bocado off-topic mas será que sou o único que fica ligeiramente incomodado sempre que vejo "DISPENSA APRESENTAÇÕES" num anúncio?

É mesmo obsceno e revela uma total falta de esforço em vender o produto.

Imaginem irem a loja qualquer, perguntar sobre um artigo no qual estão interessados e vem o vendedor e diz "olhe amigo isto dispensa apresentações". É assim que imagino o pessoal que põe isso nas descrições dos anúncios.

/rant over, precisava de tirar isto cá para fora :D

Comigo é o "pondero vender". Então pondera, e quando chegares ao fim põe à venda. Ou não.

 

  • Gosto 1
  • Riso 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
amrest    94
há 2 horas, GuitarWannabe disse:

Olhem que máquina e a bom preço.

Gosto particularmente da frase: "Não faça propostas absurdas! "

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    1701
há 4 horas, GuitarWannabe disse:

Não resisti e enviei-lhe a seguinte mensagem:

Amigo Thiago, não me leve a mal, não estou interessado na sua guitarra, mas não pude reparar que empola a sua venda com uma verborreia tão prosaica e sofisticada que parece estar a vender gato por lebre... e eu sou vegetariano... Queria apenas informá-lo que apesar do respeitado esforço literário que desenvolveu para produzir este texto, o mesmo contém algumas incorrecções  de Português. Sabe, já nos encontramos no séc XXI há alguns anos e assim como o anúncio foi colocado numa plataforma digital com ligações ao mundo inteiro, também os seus visitantes e potenciais clientes nela sabiamente se deslocam, pois como é que teriam acesso a esta publicação digna de capa dura? Isto para dizer que um simples copy/paste (perdoe-me o inglesismo) do modelo da guitarra num qualquer motor de busca ou loja de música online com envios internacionais devolve resultados interessantíssimos... é que pelo preço que o senhor pede conseguem-se comprar DUAS guitarras iguais à sua e com garantia da loja. OK, aceito, não tem o trabalho do Luthier em cima para a execução de afinações de precisão para uma melhor performance, mas permita-me rebater com: essas afinações são subjectivas, ou seja, referentes aos gostos pessoais de cada um. Portanto, e recapitulando, o seu erro de Português foi (além dos erros gramaticais e ortográficos sobre os quais não me desejo pronunciar) considerar que o Português é uma figura parva e iletrada vizinha do "Zé Povinho" como ilustrado por
Deixo-lhe então uma ligação simbólica para ponderação sobre a sua valorização do seu precioso cordofone: https://www.thomann.de/pt/search_dir.html?sw=fender+CD+60+sce+NAT&smcs=b4ce33_5080. E, por fim, finalizo a minha comunicação com a informação histórica sobre a criação do personagem supra referido, trata-se de uma caricatura que teve a sua 1ª publicação em 1875, da autoria de Rafael Bordalo Pinheiro, irmão do Pintor Columbano e autor de muita da imagética ceramista Portuguesa... se estiver interessado, siga a ligação https://pt.wikipedia.org/wiki/Zé_Povinho.

 

Haha, reparei agora que a meio deixei uma frase/ideia por acabar (precipitei-me no click do enviar antes de fazer a revisão do texto)... duvido que o moço a responda, uma vez que pede para não fazer ofertas absurdas... e a minha mensagem é um tanto ou quanto desconexa com o anúncio...

  • Gosto 2
  • Riso 2
  • Amo 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
The Passion    119
há 2 horas, tmo disse:

Não resisti e enviei-lhe a seguinte mensagem:

Amigo Thiago, não me leve a mal, não estou interessado na sua guitarra, mas não pude reparar que empola a sua venda com uma verborreia tão prosaica e sofisticada que parece estar a vender gato por lebre... e eu sou vegetariano... Queria apenas informá-lo que apesar do respeitado esforço literário que desenvolveu para produzir este texto, o mesmo contém algumas incorrecções  de Português. Sabe, já nos encontramos no séc XXI há alguns anos e assim como o anúncio foi colocado numa plataforma digital com ligações ao mundo inteiro, também os seus visitantes e potenciais clientes nela sabiamente se deslocam, pois como é que teriam acesso a esta publicação digna de capa dura? Isto para dizer que um simples copy/paste (perdoe-me o inglesismo) do modelo da guitarra num qualquer motor de busca ou loja de música online com envios internacionais devolve resultados interessantíssimos... é que pelo preço que o senhor pede conseguem-se comprar DUAS guitarras iguais à sua e com garantia da loja. OK, aceito, não tem o trabalho do Luthier em cima para a execução de afinações de precisão para uma melhor performance, mas permita-me rebater com: essas afinações são subjectivas, ou seja, referentes aos gostos pessoais de cada um. Portanto, e recapitulando, o seu erro de Português foi (além dos erros gramaticais e ortográficos sobre os quais não me desejo pronunciar) considerar que o Português é uma figura parva e iletrada vizinha do "Zé Povinho" como ilustrado por
Deixo-lhe então uma ligação simbólica para ponderação sobre a sua valorização do seu precioso cordofone: https://www.thomann.de/pt/search_dir.html?sw=fender+CD+60+sce+NAT&smcs=b4ce33_5080. E, por fim, finalizo a minha comunicação com a informação histórica sobre a criação do personagem supra referido, trata-se de uma caricatura que teve a sua 1ª publicação em 1875, da autoria de Rafael Bordalo Pinheiro, irmão do Pintor Columbano e autor de muita da imagética ceramista Portuguesa... se estiver interessado, siga a ligação https://pt.wikipedia.org/wiki/Zé_Povinho.

 

Haha, reparei agora que a meio deixei uma frase/ideia por acabar (precipitei-me no click do enviar antes de fazer a revisão do texto)... duvido que o moço a responda, uma vez que pede para não fazer ofertas absurdas... e a minha mensagem é um tanto ou quanto desconexa com o anúncio...

@tmo Obrigado pela gargalhada!

Quanto ao anúncio, há uma coisa que me melindra acima de tudo. Quem terá sido o "Luthier" que lhe "preparou" aqueles pinos de forma a que sejam disparados directamente aos olhos do público com um simples bend?

Realmente é um "instrumento diferenciado", eu cá nunca consegui esse resultado! Talvez um dia... quando me auto-intitular como "Luthier". 

  • Gosto 3

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    1701
há 42 minutos, The Passion disse:

@tmo Obrigado pela gargalhada!

Quanto ao anúncio, há uma coisa que me melindra acima de tudo. Quem terá sido o "Luthier" que lhe "preparou" aqueles pinos de forma a que sejam disparados directamente aos olhos do público com um simples bend?

Realmente é um "instrumento diferenciado", eu cá nunca consegui esse resultado! Talvez um dia... quando me auto-intitular como "Luthier". 

Relativamente aos pinos, fui rever as fotos e de facto estão um pouco pronunciados, no entanto, permite-me afirmar que tal deverá estar dependente da qualidade dos furos nos quais estão inseridos ou do cuidado com que foram colocados. Normalmente os pinos têm um sulco por onde deverá passar a corda, o que, não acontecendo, facilita a impossibilidade de maior penetração destes nos respectivos orifícios...

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
jlcosta    728
há 8 horas, tmo disse:

e eu sou vegetariano...

É bom saber que há vegetarianos por aqui ;)
Mas deves ter feito mossa no homem, porque o anúncio está inativo!

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
The Passion    119
há 7 horas, tmo disse:

Relativamente aos pinos, fui rever as fotos e de facto estão um pouco pronunciados, no entanto, permite-me afirmar que tal deverá estar dependente da qualidade dos furos nos quais estão inseridos ou do cuidado com que foram colocados. Normalmente os pinos têm um sulco por onde deverá passar a corda, o que, não acontecendo, facilita a impossibilidade de maior penetração destes nos respectivos orifícios...

Existem dois tipos de pinos comuns, ambos têm o sulco/veio por onde passa a corda, no entanto, dependendo da largura do buraco do cavalete da ponte podem alojar a bola metálica (ball-end) da corda ligeiramente abaixo da cabeça do pino, no caso de serem mais largos, ou apenas prendem a corda por tensão, que são os mais comuns. De qualquer forma, seja qual for o modelo, a cabeça do pino deve estar inserida na furação do cavalete, senão corres o risco de partir o pino ou da corda saltar fora. A melhor maneira de te certificares que os pinos estão bem inseridos é afinares cada corda um tom acima da afinação pretendida, pressionando o pino de forma a que a corda acame com uma tensão acima do máximo da utilização comum, podes repetir o processo ao puxar pela corda para a estabilizar. 

Ah, e antes de introduzir os pinos, se o cavalete estiver muito seco, podes hidratar as furações com óleo de cedro (em garrafa) com a ponta de uma cotonete. Apenas uma passagem ligeira, retiras o excesso com papel absorvente e deixas secar durante mais ou menos uma hora. Isto vai aumentar a longevidade do cavalete, impedindo que as furações distendam e estalem com o tempo e com a tensão. 

Desculpem o desvio do assunto, mas acho que são boas dicas que qualquer um pode aplicar em casa e ajudam a fazer uma manutenção eficiente. 

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora