pipes

Curiosidades



Posts Recomendados:

PCanas    981

Portanto, a questão está nas colunas e não no vinil.

Já agora:
(acho que já tinha metido cá isto)

 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2291

Relativamente a esta questão de vinil soar melhor que digital. Concordo em absoluto, é mesmo verdade. Há poucos dias fiz um teste e o vinil soava de longe melhor para os meus ouvidos. A razão? Simples, dinâmicas. Como o vídeo até esclarece, masterizar para vinil obriga a manter os níveis de compressão mais baixos, logo a música soa melhor.

On 11/07/2019 at 10:58, PCanas disse:

Portanto, a questão está nas colunas e não no vinil.

Já agora:
(acho que já tinha metido cá isto)

 

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
PCanas    981
há 4 horas, pgranadas disse:

Relativamente a esta questão de vinil soar melhor que digital. Concordo em absoluto, é mesmo verdade. Há poucos dias fiz um teste e o vinil soava de longe melhor para os meus ouvidos. A razão? Simples, dinâmicas. Como o vídeo até esclarece, masterizar para vinil obriga a manter os níveis de compressão mais baixos, logo a música soa melhor.

 

Mas o digital não te obriga a ter os níveis de compressão altos, o pessoal faz isso porque pode/quer.

Ou seja, o problema não é o digital, é o que se faz com ele.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2291
On 13/07/2019 at 01:28, PCanas disse:

Mas o digital não te obriga a ter os níveis de compressão altos, o pessoal faz isso porque pode/quer.

Ou seja, o problema não é o digital, é o que se faz com ele.

Sim, estou em absoluto acordo contigo. Isto apenas explica uma coisa, que é, o vinil não soa melhor. Mas devido às suas limitações mecânicas, obriga a que haja um maior cuidado com o master. Lamentavelmente, não usam o mesmo master para o formato digital.

No que toca a mim pessoalmente, trabalho unicamente com digital para os meus trabalhos. Quando faço o master, pretendo fazer o mesmo que se obtém com o vinil, ou seja, mantenho o máximo de headroom possível (ou pelo menos tento, porque também ando ainda a aprender).

Agora vejam bem o paradoxo da situação. A indústria elevou os níveis de compressão, porque se acha que “maior volume/soa melhor”, e pretendia assim responder aos requisitos dos consumidores. Os consumidores, cada vez mais, procuram formatos onde há menores níveis de compressão, porque ( e têem razão) menos compressão/soa melhor.

Agora concluo: A indústria é gerida por camelos com o QI de uma alface...só o pode.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    1160
On 7/13/2019 at 00:28, PCanas disse:

Mas o digital não te obriga a ter os níveis de compressão altos, o pessoal faz isso porque pode/quer.

Ou seja, o problema não é o digital, é o que se faz com ele.

Exacto!

E têm todos razão, também o @pgranadas.

Só uma ressalva: o Master para vinil pode e deve ser diferente porque o Master para digital pode e deve ser diferente também.
Numa edição em digital podemos fazer coisas que para uma prensagem em vinil não é possível.
Não só no campo das dinâmicas mas também na resposta em frequência, em desequilíbrios de fase ou até em coisas tão "simples" como pôr Baixos em estéreo.

Quanto à citação que faço do que o @PCanas disse, só citei para acrescentar que as opiniões negativas sobre as edições digitais (principalmente em CD) se devem sobretudo a uma generalização.
De facto existem CDs com um som incrívelmente bom, com masterizações fantásticas.
Até em reedições de originais que só teriam sido editados em Vinil.
Tudo depende daquilo que se anda a ouvir.
Na música "pop" ou em discos pensados para comércio radiofónico é bem provável que a maioria sofra do mesmo problema da falta de dinâmicas e de um espectro sonoro bastante desequilibrado para favorecer a estridência.
No entanto, existem edições digitais (CDs) que podem perfeitamente mostrar que as capacidades do suporte foram usadas e bem usadas. Infelizmente, por poucos.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora