pipes

Curiosidades



Posts Recomendados:

F.Coelho    361

Na minha velhinha mas útil pedaleira Zoom G3, nos delays existe uma opção "Tape Echo". É daquelas coisa que nem ligamos. Mas que raio é isto? E nem soa bem. Dizia para mim.

Mas curioso. Um dia tropecei neste vídeo. E é simplesmente "delicioso" como se pode fazer delay assim e tem toda a lógica do ponto de vista técnico. Só rir.

 

 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    2385

Nem são precisas essas cabeças todas para fazer eco com fita.
Fiz isso muitas vezes só com cabeça de gravação e leitura. Basta inserir na cabeça de gravação, o sinal lido pela cabeça de leitura.
Teoricamente, faz feedback.
Controlando o volume consegue-se causar eco sem que o feedback aconteça.
Injectando mais sinal (aproximando-o mais do ponto em que aconteceria feedback) aumenta-se a quantidade de ecos (daí a designação "feedback" nos Delays, para dar mais ecos).
Aterando a velocidade da fita, altera-se o tempo dos ecos pois o tempo que a fita leva a chegar da cabeça de leitura à cabeça de gravação passa a ser maior ou menor, consoante a velocidade da fita.

Também cheguei a fazer ecos com fita criando um "anel" de fita com vários metros (um "loop") esticada pela sala com tripés de microfone.
Os tripés serviam de guia da fita, para esticar o "loop".
No fundo é o que faz aquela fita toda, enrolada dentro dessa câmara de eco do video que partilhaste. Só não está esticada na sala. Está guardada numa caixa.
É mais prático :D

 

NOTA:
neste álbum que produzi, todos os ecos são de fita.
Aliás, é tudo analógico. Não há plugins nesse disco.
https://padstore.bandcamp.com/album/old-jerusalem

  • Gosto 3

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
F.Coelho    361

Achei curioso este vídeo. São coisas banais que dizemos para nós próprios: " Nada de especial, isto já sabemos, blá,blá, blá..." Mas depois começamos a pensar e chegamos à conclusão que "andamos um pouco desleixados":

 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2615
há 23 horas, pipes disse:

O início entusiasmou-me, mas depois quando ela começou a falar e a vender a Galaxy e os micros de modelação, parecia um daqueles dentistas da publicidade a vender pasta de dentes. "Ha e tal, eu tenho aqui um micro que é um rolls Royce, mas meti-o em mute, porque os de modelação são tão bons que...." Pá já foste, ninguém prefere uma modelação acima do original, a menos que esteja a ser pago para o dizer. Um micro feito na china supera um micro clássico que custa milhares, que o dos chineses pretende imitar!!! Sim, claro... Eu também por acaso tenho uma guitarra variax, mas se me dessem uma Fender 59 eu ia preferir a variax... Next...

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Mr. Smith    185

Já eu consegui abstrair-me das "vendas" e fruir apenas do som captado que gostei bastante! Também registei o facto de basicamente ser publicidade mas fora isso gostei muito.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
F.Coelho    361

Muito instrutivo. Não se prendam pelos números e cálculos, mas sim pelo conceito. No fundo, idealmente, todas as escalas das guitarras deveriam ser cónicas, tal como acontece com certos instrumentos musicais de cordas de orquestra (mas nestes não existem trastes). Colocar trastes num cone? Deve der, simplesmente desesperante :wacko:. Mas vale a pena ver o vídeo.

 

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
F.Coelho    361

Para quem estiver mais interessado em saber sobre as chamadas "compound scales", cujo nome mais correcto deveria ser "conical scales", deixo aqui dois vídeos mais técnicos:

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora