pgranadas

Técnicos, engenheiros e estúdios.



Posts Recomendados:

resolectric    869
há 50 minutos, Desventrar disse:

Adoro o Daniel Lanois, para mim é uma das principais referências.

Começar a falar do Lanois na minha presença é um perigo :D
Nunca mais paro! Vou-me conter e tentar manter isto num único parágrafo.
Se não conheces, tens de conhecer o album «Here is what is».
Não vale a pena ouvires na net. Quer dizer, valer a pena vale mas se puderes compra o CD. Ou melhor ainda, compra a edição especial de CD+DVD.
O som daquilo é tão "absurdamente" bom!... É o CD perfeito para calar o pessoal que acha que os CDs soam "mal", ou "frios" ou "clínicos".
É uma coisa   a s s o m b r o s a !!!
E o DVD, claro, tem as imagens de tudo o que foi gravado, enquanto foi gravado, as sessões, os takes, o gear, os músicos... é incrível!

Claro que podia recomendar todos os outros albuns dele mas para ouvir numa Hi-Fi ou mesmo no estúdio, é esse.
Pronto. Um parágrafo. Paro aqui :rolleyes:

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2137
há 4 horas, pipes disse:

Infelizmente, não pára por aqui concerteza.

Pessoalmente, tenho muita pena de ver isto acontecer. Acho que nada substitui este tipo de estúdios. Mas com a tendência de se usar cada vez mais, software e computadores, manter este tipo de equipamentos, que necessitam de manutenção e alimentação, custa uma pipa de massa. E como o investimento por parte de editoras nos artistas, é coisa que acabou, só artistas já plenamente estabelecidos é que podem recorrer a estes estúdios, e pelos vistos, não o fazem.

Pelo menos, vai para as mãos de uma instituição, que o pode usar para formar gente.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    869

Não vai fechar.
Foi comprado pela Berklee College of Music.

Vão dar formação a futuros técnicos de som desempregados.

Do New York Times, 5 de Setembro, 2017:

Citação

After almost two years on the market, the building that houses Avatar Studios has been acquired by Berklee. The studio — which originally opened as the Power Station in 1977, and where Bob Dylan, Bruce Springsteen, Madonna, David Bowie and the cast of “Hamilton” have recorded — will be renovated, expanded and rebranded as BerkleeNYC. The recording studios will continue to operate commercially as the Power Station at BerkleeNYC, along with new offerings including educational programs, performances and resources for local musicians.
The transaction was spearheaded by the Berklee trustee Pete Muller, with the support of the Mayor’s Office of Media and Entertainment and the Economic Development Corporation. They have raised $25 million for the project, including $6 million from the city. According to the Berklee president, Robert H. Brown, this will be “enough to launch, renovate, and operate for a decade,” while the school continues to raise additional funds for the project.

 

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    869

Não sei se este video foi partilhado ou não mas acho-o indispensável neste tópico.

Reparem na parte em que ele diz que a maior parte do trabalho do técnico é dentro da cabine e não na régie/sala de controle.
Concordo a mil por cento!
 

 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora