Posts Recomendados:

MBass    6

Muito boa tarde.

Há cerca de 1 ano atrás fiz um tópico aqui neste fórum acerca do que comprar além do baixo mais o amplificador. Entretanto ocorreram algumas respostas (bem curiosas na altura, pois não fazia a mínima ideia) acerca do estado em que a maior parte dos Baixos costumam vir.

Então mandaram-me levar o baixo a um profissional para fazer o setup, e pronto, fiz isso. Acontece que agora estou disposto a fazer o setup sozinho. Confesso que não vi a pessoa a fazer o setup mas vi uns vídeos bem interessantes do John Carruthers. Ele explica tudo da maneira mais direta e simples possível em vídeos bastante curtos.

Um dos vídeos dele (o primeiro) é este acerca do truss rod:

A ferramenta que se usa para ajustar o truss rod e o bridge tenho, mas os restantes não tenho. 

Gostaria de saber se têm experiência acerca de fazer o setup em casa e quais são as melhores ferramentas para comprar.

Em princípio tenciono comprar na amazon.es, será que compensa ou mais vale comprar numa loja física de música?

Muito obrigado!

 

 

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2299

Ferramentas, são ferramentas....

 

Nao são melhores ou mais apropriadas, se comprares numa loja de musica. Numa loja de ferragens tens o mesmo.

precisas de chaves sextavadas. Eu comprei um daqueles kits com carradas de medidas diferentes, e assim está resolvido, e precisas de possivelmente de uma chave Philips, dependendo do modelo da ponte.

Mas fica o alerta, há regras para se mexer no trussrod, e se usares sempre as mesmas cordas, nem precisas de mexer. Para a Ponte, basicamente a regra é a mesma, pode quanto muito ser necessário ajustar as oitavas.

O John realmente explica bem, e inclusive comprei um livro dele, mas não te ponhas a mexer à toa, que por vezes o "problema" está nos dedos (ou na nossa cabeça) e não no baixo.

Entretanto, também aqui no fórum há um POST já antigo a falar de setup, recomendo a leitura.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
MBass    6

Olá @pgranadas, obrigado por responderes.

Como referi no meu post, eu já tenho essas chaves sextavadas (nunca pensei que se chamava assim em português, lol) e a chave da ponte também, pois elas já vieram juntamente com o baixo. O que eu precisava realmente era daquela ferramenta (nut slotting) que usas para "lixar" a pestana para que as cordas fiquem mais aproximadas ao braço, um "feeler gauge" e aquelas réguas típicas para medir a distância entre as cordas e o braço. Sabes como se chamam em português?

há 5 horas, pgranadas disse:

Mas fica o alerta, há regras para se mexer no trussrod, e se usares sempre as mesmas cordas, nem precisas de mexer. Para a Ponte, basicamente a regra é a mesma, pode quanto muito ser necessário ajustar as oitavas.

Eu sei. Mas se o baixo já vem com o truss rod mal regulado, tenho de corrigir... Mas obrigado pela informação. :)

há 5 horas, pgranadas disse:

mas não te ponhas a mexer à toa, que por vezes o "problema" está nos dedos (ou na nossa cabeça) e não no baixo.

Epá, por vezes sim, concordo. Mas quando pegas num instrumento e tens aquela sensação que a qualidade do mesmo poderia ser muito melhor, acho que seria sensato fazer o setup, independentemente ao ser em casa ou através da ajuda de um profissional. Mas isto sou apenas eu falar, e pelo que vejo tens muita mais experiência que eu. Assim até já aprendia decentemente como fazer o setup... uma coisa é olhar, outra coisa é fazer.

Obrigado mais uma vez!

 

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2299
há 4 horas, MBass disse:

O que eu precisava realmente era daquela ferramenta (nut slotting)

Isso é algo que eu, apesar de mexer em praticamente tudo o resto, não mexo. Porque se errar, depois há que se mudar a pestana, e a menos que se mude radicalmente da espessura das cordas, não creio que haja realmente necessidade em o fazer. A feeler gauge comprei numa loja de peças para automóvel, em qualquer uma normalmente encontras isso, porque é muito usada por mecânicos, e a régua comprei no aliexpress ou ebay, não me lembro ao certo.

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
MBass    6

Pronto então vou deixar o nutt slotting de lado. Mas sabes-me dizer o nome do feeler gauge em português? Para chegar à loja e depois é só dizer o nome específico e tá pronto!

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2299

 

Não me recordo, mas acho que costuma ser chamada de "saca folgas" ou algo do estilo, porque é usada para ver isso mesmo nos motores.

Tem este aspecto

70627.jpg

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
A.G.E.N.T.E.    135
On 28/09/2017 at 11:36, pgranadas disse:

 

Não me recordo, mas acho que costuma ser chamada de "saca folgas" ou algo do estilo, porque é usada para ver isso mesmo nos motores.

Tem este aspecto

70627.jpg

Apalpa folgas? :)

Relativamente aos ajustes do instrumento em caselas, recomendo vivamente a leitura do "The Ultimate Guide to The Perfect Bass Setup" que costumava estar disponível para download no site do Jerzy Drozd. Cheio de informação de relevo.

  • Gosto 3
  • Útil 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
MBass    6

O indivíduo que inventou essas alcunhas para as ferramentas merecia um óscar, sem dúvida alguma! lol

Já criei conta no site, vou sacar e ler. Muito obrigado @A.G.E.N.T.E. :)

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Ghost_Bass    5

A ferramenta mais importante para o setup és tu mesmo. Podes levar a um profissional e o máximo que ele pode fazer é deixar aquilo tocável dentro de determinados parâmetros. Se fores fazer o setup com base num guia e em medidas pré-definidas usando ferramentas de medição não vais fazer nada diferente do que um luthier te faz e gastas uma pipa de massa em ferramenta. No final vais acabar com um baixo igual ao que vem do luthier.

Um setup é uma coisa pessoal, a altura da acção óptima depende da força com que atacas as cordas, do calibre das mesmas, da altura das selas da ponte (obviamente) e da altura dos slots da pestana. Para fazer um bom setup não é preciso mexer nisto tudo em 99% dos casos portanto não te metas a limar e rodar truss sem teres a certeza que é mesmo necessário.

 

Começa por ajustar a ponte, mete as cordas na altura que queres e vê se trastejam ou se ainda ficam demasiado altas quando baixas as selas para o minimo. Se alguma coisa destas acontecer então tens mesmo de dar um jeito ao truss. Não te esqueças de afinar as cordas após qualquer ajuste pois vai mudar o estado de tensão das mesmas. Vais ver que na maioria das vezes basta isso para conseguires o resultado pretendido. Se vires que depois de ter o baixo afinado e com a intonação acertada na ponte quando fretas as cordas as notas ficam fora da intonação então aí sim poderá ser caso para dar um ajuste nos slots da ponte mas isso é coisa para confirmar com um luthier antes de começar a escavar. O guia do Jerzy Drozd que alguém referiu é muito bom para te por no bom caminho para um bom setup caseiro mas não leves tudo como regra, adapta sempre ao teu gosto pessoal. Por exemplo, eu gosto de acção muito baixa pois tenho um toque mais leve nas cordas e consigo safar-me com elas quase encostadas aos frets. Não deixo arco no braço, sempre direitinho. Não uso medidas, vai tudo a olho e por sentimento. Na teoria faço tudo ao contrário do que os guias e manuais dizem mas na prática tenho o melhor setup que poderia desejar pois eu é que sei como quero que o meu baixo fique.

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora