Posts Recomendados:

mastersamu    22

Ora vamos aprender a tocar guitarra, compramos uma acústica e começamos a dar uns toques .. e nasce o bixinho..

Vou comprar uma elétrica para ter “aquele” som e fazer uns solos, vem um amp, agora os efeitos , etc..

É tão fácil gastar dinheiro neste hobby, atrevo me a dizer hobby porque grande maioria de nós não vai ver o material pago com os concertos que damos oi que poderemos vir a dar, e por ventura aquilo que ganhamos acabamos por gastar em equipamentos..

 

Lembrei-me deste post porque pela primeira vez fiz contas ao que já gastei e não foi pouco e foi tudo por baixo, material em segunda mão e novo mais acessível. Ainda tenho material para chegar e já estou a pesquisar futuras possíveis compras..

 

Isto é normal? Também vos acontece o mesmo? Será por ser as várias opções como pedais e afins serem mais acessíveis e doerem menos de cada de cada vez nos dá o tal GAS ?

A quantidade de pedais de efeitos , overdrives , delay’s, tenho uma guitarra com humbuckers como será com single  coil, amps, para não falar nos consumiveis..
Nunca me considerei um consumidor compulsivo nem tenho dinheiro para isso mas isto parece um vício?

Uma coisa tenho a certeza , no fim das  contas dá um prazer do c@*@&€# curtir o “nosso som” :)

 

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    1845

Há aquela definição do músico: é aquela pessoa que mete 5000€ de material num carro de 500€ para fazer uma viagem de 50km e ganhar 5€ para a gasolina...

Se isso vai passar ou não, a procura de mais respostas aos "E SEs" relativamente à experimentação sonora, depende única e exclusivamente de cada um e do seu sentido de refreio. Desejo vai haver sempre, mas acaba por ser o desejo que nos motiva a evoluir aqui e ali para chegar a determinado local... Bom, o erro está aí, é que o objectivo não é o local, pois este é substituído assim que conquistado. O objectivo é a viagem. É a viagem que conta a história e é a história que passa. Dos locais sobram as fotografias turísticas, memórias muitas vezes fúteis e desinteressantes.

Por outras palavras, foca-te na afinação do instrumento, em teres a guitarra bem calibrada para as tuas necessidades e gostos, mas isto só se chega lá com experiência. Foca-te em encontrares na guitarra como a ferramenta para a tua arte e não o objecto de desejo que a motivará. Desta forma, tornas-te autónomo do marketing que te é apresentado em todas as publicações sobre estes assuntos e focas-te nas funcionalidades, no som... não na promessa. Procura o útil e não o "fashion". Procura o compromisso entre o que procuras e o que consegues a cada momento...

  • Gosto 4

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    1371
há 8 horas, mastersamu disse:

...

Uma coisa tenho a certeza , no fim das  contas dá um prazer do c@*@&€# curtir o “nosso som” :)

 

Eu montei um estúdio de gravação inteirinho por causa disso e neste momento creio que se transformou numa ONG sem fins lucrativos.

 

  • Gosto 1
  • Riso 6

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
pgranadas    2366

Um dia destes um amigo foi lá a casa e admirou-se com o material que tenho. A esposa estava encantada, é alguém que gosta muito ee música, e fez a pergunta: "Quanto é que é preciso investir para se ter assim um cantinho?" 

Encolhi os ombros e disse, "sinceramente não sei, mas se fizermos as contas por alto, ora soma aí...." comecei a dar-lhe valores de mais ou menos do que me lembrava. 

Diz ela assim: "Esquece, já estamos em quase 10000 e nem falaste ainda do piano que está na sala." diz ela para o marido: "Amor, se quiseres um hobby, não escolhas a música."

É caro, é verdade. Mas não fumo, não vou para os bares gastar 5€ em copos de cerveja, não vou para o café... 

Bem vistas as coisas, se comparar o meu hobby com o de um fumador, que literalmente queima dinheiro. O meu até é barato, e dá-me um enorme prazer, portanto..... Vou esperar para ver se lançam um versão desktop ou 5 oitavas, mas o wavestate vem cá parar... Lol. 

  • Gosto 5

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
John10    616
há 23 horas, tmo disse:

O objectivo é a viagem.

Exacto. Parte de ter música como hobby para mim é precisamente isto. E nem sempre é preciso gastar um balúrdio numa guitarra. Às vezes uma simples muda de cordas por um modelo diferente, ou um speaker diferente, ou até simplesmente inclinar a coluna numa certa direcção, isso já cria excitação na exploração do som em busca daquilo que procuramos. Pelo menos falo por mim.

  • Gosto 2
  • Amo 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
resolectric    1371
há 19 horas, pgranadas disse:

...
Bem vistas as coisas, se comparar o meu hobby com o de um fumador, que literalmente queima dinheiro.
...

Já vi coisas no meu estúdio a deitar fumo!

E não, não estou a falar dos "extras" que alguns artistas trazem.
Estou mesmo a falar de equipamento :nojento:

  • Riso 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Antonio    529

Eu nem, faço as contas… Medo! 

Mas alem da guitarra (e todo o equipamento associado) tenho studio e escola de musica. 

São Milhares!! Mas acho que a maior parte está pago. 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora