Alguém

Corda trasteja apenas num traste



Posts Recomendados:

Alguém    123

Olá a todos.

Recentemente retirei as cordas da Vintage V100, fiz uma limpeza e lubrificação do braço e coloquei cordas novas.

Desde então que a corda Lá trasteja muito se for calcada no 2º trasto. Em todo o resto do braço o som é limpo. A corda Ré também trasteja um pouco se tocar de uma forma um pouco mais intensa, mas se tocar de forma habitual não dou por nada. A corda Lá é que está impossível de tocar.

Não creio que o tratamento que fiz ao braço tenha alterado o que quer que seja, mas já estou por tudo.

Estive a ler alguns tópicos por aqui e fiz também algumas pesquisas na net, e a única conclusão a que chego é que poderá ser um problema com o trasto. Se assim for terei de levar a um luthier, coisa que está fora de questão nesta altura do campeonato.

Há mais alguma coisa que possa fazer para resolver ou minimizar o problema?

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Antonio    975

Mudaste de gauge das cordas? Soa-me a truss rod... Desapertar um pouquinho (1/8 de volta) deve ajudar

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    2534
há 1 hora, Alguém disse:

Olá a todos.

Recentemente retirei as cordas da Vintage V100, fiz uma limpeza e lubrificação do braço e coloquei cordas novas.

Desde então que a corda Lá trasteja muito se for calcada no 2º trasto. Em todo o resto do braço o som é limpo. A corda Ré também trasteja um pouco se tocar de uma forma um pouco mais intensa, mas se tocar de forma habitual não dou por nada. A corda Lá é que está impossível de tocar.

Não creio que o tratamento que fiz ao braço tenha alterado o que quer que seja, mas já estou por tudo.

Estive a ler alguns tópicos por aqui e fiz também algumas pesquisas na net, e a única conclusão a que chego é que poderá ser um problema com o trasto. Se assim for terei de levar a um luthier, coisa que está fora de questão nesta altura do campeonato.

Há mais alguma coisa que possa fazer para resolver ou minimizar o problema?

Com som limpo, verifica traste a traste cada uma das cordas e com diferentes intensidades.

Pela tua descrição, ou o traste seguinte (o mais provável, mas tens de identificar exactamente onde) levantou um pouco, ou esse traste está mais gasto que os outros, provocando o trastejar a jusante (no sentido da ponte). Na eventual situação de de facto se tratar de problemas localizados nos trastes,

  1. verifica se o traste seguinte está levantado e se o consegues calcar para baixo. Usar um "amortecedor" da pancada sobre o traste e proteger/apoiar o braço da guitarra atrás na zona to traste em questão
  2. Na eventualidade do traste seguinte não estar levantado, mas antes o traste em questão estar mais gasto, podes tentar com um pouco de lixa fina (grão 800 para cima) e com muita paciência, remover um pouco de matéria ao traste que está a fazer ruído (geralmente é o traste seguinte àquele no qual se detectam problemas). A enveredares por este caminho, procura fazer movimentos circulares, circunscritos apenas à corda em questão, não vás estragar uma situação que não precisava de tratamento. 3 voltinhas de cada vez com a lixa e testas.

Isto é uma solução "de remendo". Para o fazer, aconselha-se que as cordas estejam totalmente flácidas e fora do caminho do movimento da lixa. Podes/deves usar um marcador grosso para identificar os trastes e as cordas que precisam de tratamento (pintas o traste na zona/corda em necessidade) antes da remoção de matéria dos trastes necessitados. Limitas o movimento da lixa à mancha pintada.

Assim que houver disponibilidade para andar a passear, então deverás contactar/consultar um técnico especializado.

Recapitulando, se a corda lá faz ruído no 2º traste, é porque o 3º ou 4º ou... está a tocar indevidamente na corda, cortando-lhe a vibração livre e roubando timbre e sustentação. Para isto acontecer, ou o traste que faz o ruído levantou, ou aquele no qual a corda está a ser pressionada está mais gasto. Quando se identifica um problema de ruído num traste, o problema geralmente resolve-se nos trastes seguintes...

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
F.Coelho    330

No que se refere a fretbuzz o pior do pior é quando acontece nos primeiros trastes.

Isto implica, no teu caso, um nivelamento desde o 3.º até ao 22.º (ou 24.º, não sei quantos trastes tem a guitarra). Como é difícil fazer o nivelamento da linha de uma corda, tudo acaba por ser afectado e tem que se fazer um nivelamento geral. Digo-te é das maiores chatices. Quando o buzz é num traste mais alto 18.º, 19.º ... a coisa é mais fácil.

Vou dar-te palpites, pois estes problemas às vezes têm algo de esotérico, se me faço entender.

Muito provavelmente a tensão das novas cordas é inferior e o braço deixou de ter o pequeníssimo arco que costuma apresentar (ou que deve ter).

Neste caso

On 09/04/2020 at 17:51, Antonio disse:

Mudaste de gauge das cordas? Soa-me a truss rod... Desapertar um pouquinho (1/8 de volta) deve ajudar

Pode ser que te resolva o problema. Mas não convém abusar. Porquê?

Quando se actua no truss road por vezes toda a acção da guitarra muda e tem-se que seguir os procedimentos de set-up para uma nova acção e por vezes aparece buz noutros trastes.

Outro aspecto: a humidade tende a que o braço "estique para trás e para baixo". Hoje está menos humidade. Espera que o braço se adeqúe às cordas. Estica as cordas manualmente e vai afinando. Pode ser que o problema desapareça, antes de mexer no truss rod.

A lubrificação da escala também pode interferir em braços de baixa qualidade da madeira da escala.

No último caso, a melhor solução para este problema, se se não quer a trabalheira de um  nivelamento é "levantar milimetricamente" o 2.º, e por obrigação, o 1.º trastes. Como? Um pouco de serradura fina. Um pouco de cola de madeira. Retiras os trastes e aplicas a mistura cola/serradura nas ranhuras. Antes de secagem completa e final fazes o nivelamento com uma pequena régua direita que possa abranger só e só os 4 primeiros trastes tão somente. Claro que este trabalho é mais chato e só serve mesmo para desenrascar.

Mas no fim é provável que o problema desapareça quando a lubrificação secar. Lembrei-me, tenta dar um pouco de calor a todo o braço com um secador de cabelo e vai vendo os resultados depois de arrefecer.

Tanta coisa pode ser que nem sei o que te diga mais.

Boa sorte.

E não esquecer: nunca mexer na equipa que está a jogar bem. Substituições? Uma de cada vez e espaçadas no tempo.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Antonio    975

Eu acho que deve ser um caso de ação super baixa. È uma guitarra barata, o nivelamento dos trastos nunca é "aquela cena". 

Como regra geral,

Se trasteja nos primeiros trastos - Desapertar o truss

Se trasteja nos últimos (ou do meio para a frente) - Apertar o truss

A malta tem muito medo de mexer no truss. Eu mexo muitas vezes. Não é "Rocket science".  Basta mexer pouquinho de cada vez (1/8 de volta no máximo) e nunca fazer força. Os braços das guitarras alteram bastante com as alterações climáticas e outras coisas… Convém regular periodícamente.

Acho também que um toquezinho no truss é uma cena básica e não permanente ou destrutiva. Já andar a limar trastos… Isso é bem mais perigoso e permanente.   

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    2534
há 3 horas, Antonio disse:

Eu acho que deve ser um caso de ação super baixa. È uma guitarra barata, o nivelamento dos trastos nunca é "aquela cena". 

Como regra geral,

Se trasteja nos primeiros trastos - Desapertar o truss

Se trasteja nos últimos (ou do meio para a frente) - Apertar o truss

A malta tem muito medo de mexer no truss. Eu mexo muitas vezes. Não é "Rocket science".  Basta mexer pouquinho de cada vez (1/8 de volta no máximo) e nunca fazer força. Os braços das guitarras alteram bastante com as alterações climáticas e outras coisas… Convém regular periodícamente.

Acho também que um toquezinho no truss é uma cena básica e não permanente ou destrutiva. Já andar a limar trastos… Isso é bem mais perigoso e permanente.   

Se trasteja nos últimos (12º para a frente) - Levantar a ponte ou as selas

Quanto à questão do limar trates, sim, é preciso ter muito cuidado, daí que na minha sugestão indique LIXA FINA de grão 800 para cima (tem pouca abrasividade) e não o uso de limas, e fazer testes a cada 3 passagens de movimentos circulares para controlar metodicamente a quantidade de matéria que se retira. Não USAR LIMAS. O teste implica dar tensão às cordas para a afinação pretendida.

Relativamente à eventual necessidade de executar isto em todos os trastes par a frente, a coisa poderá não ser assim tão extrema, depende de teste e verificação se de facto é necessário. No caso de um traste levantado, o lixar deverá bastar, no caso de um traste muito gasto, aí sim, será necessário trabalhar os restantes, mas nesse caso, será igualmente necessário fazer o nivelamento de forma mais profunda e profissional. Novamente, a minha sugestão é uma solução de REMENDO numa altura em que não se pode recorrer aos serviços especializados dos profissionais da área.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Alguém    123

Desapertei um pouco o truss rod e aparentemente ficou melhor. Ainda trasteja, mas nada como ontem.

Agora devo aguardar para que o braço se adapte à nova tensão, ou é imediato?

  • Gosto 1

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
tmo    2534

Sim, desapertar o truss rod vai aliviar o problema, mas não resolvê-lo pois, pelo que descreveste, o problema é mesmo ao nível dos trastes e não do braço geral.

Também podes levantar a ponte/sela da corda em questão, mas tudo isso vai afectar a tocabilidade da guitarra, vais sentir a guitarra diferente e provavelmente mais difícil de tocar... novamente, o ideal é que a guitarra seja vista por um técnico especializado, só que de momento tal não é possível.

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora