Posts Recomendados:

tmo    2452
há 32 minutos, deadpoet disse:

(...)

não há nada como “mais uma guitarra”!...

-_-

Porque é que achas que me mantenho caladinho relativamente a isso neste tópico??? ... porra pah, lá estou eu a dar com a língua nos dentes...

...

Voltando à carga inicial do tópico, outra coisa que faz reviver uma guitarra é um setup/melhoramento como já disseram, mas ao nível dos trastes, mandar fazer um refret profissional para trastes INOX é outra louça... aconselho vivamente. Custa um pouco, mas fica esbatido com o tempo e nunca mais pensas no assunto. É um não problema a longo prazo e fica manteiga nos dedos.

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
há 23 horas, xtech disse:

Gostei da última sugestão do artigo... O problema nisto é que uma obra de engenharia destas é igual ao que se fazia há 50 anos...

A Gibson robot e tal foi muito criticada, mas acho que aquela geringonça para trocar afinações era fantástica! O problema é que o guitarrista só quer cenas "vintage", mesmo que tenha que andar a rodar os afinadores várias vezes cada vez que quer mudar de afinações..houve inovações porreiras, por exemplo o braço Z-glide que era mais rápido, o buzz feiten, e tantas outras... ninguém ligou muito. Se calhar a última grande inovação que os guitarristas aceitaram foi o Floyd Rose ou os picapaus activos... E mesmo assim muitos ainda criticam as "guitarras a pilhas" :D

O Z-glide pode ser fixe em guitarras com braços de madeiras básicas mas se tiveres uma madeira bonita um flamed maple, um 3piece ou 5piece neck com um acabamento em sunbursts ou tobaccobursts com transparencias, há tanta beleza nas madeiras que fazer um Z-glide nesses braços é um sacrilégio na minha opinião. 

Já a cena do Buzz feiten não percebo como não é standard em todos os nuts. E de acordo com o que eles dizem acho que com diferentes espessuras de corda a malta poderia precisar de nuts diferentes (na mesma guitarra) para conseguir os melhores resultados. 

  • Gosto 2

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais
Antonio    929

Não sou nenhum matemático mas esta equação parece-me certa:

X = n+1

Onde

X = guitarras necessárias a qualquer guitarrista 

n = número actual de guitarras na posse do referido guitarrista 

  • Gosto 5

Partilhar este post


Link para o post
Partilhar nas redes sociais

Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora