Entra para seguir isto  

Aprender um solo - Disposable Heroes (Metallica)

    Por ncarmona    5.652 Visualizações     2 comentários    


Aprender um solo pode ser uma experiência desafiante. Neste tutorial vais aprender um método para explorar passo a passo um solo de heavy metal, neste caso em concreto o solo de Disposable Heroes dos Metallica na guitarra.


3ª parte: Descida vertiginosa

A 2ª secção consiste nos 4 compassos seguintes:

DISyyb0vCHKrSSwmK-OwYdVKyERsBMBSFwVXEY85

2_nkmoxLuAllAwKYcq8PCuPOeSyc7f4yEvP2Kv4m

Uma descida seguida por um breve tapping. Aqui apanhei um dos tais exemplos em que o que está escrito na tablatura não parece fazer muito sentido apesar das notas estarem correctas. A mudança de corda no final do 2º compasso interrompe a fluidez da frase e o hit-pull rápido no terceiro compasso teria de ser tocado com o 4º e 5º dedo o que, não se tratando de Steve Vai, me parece pouco lógico. O que me faz mais sentido é só trocar de corda no final do terceiro compasso e nunca ir para a corda Sol. De facto, olhando para este vídeo

vê-se que o Kirk não segue o que está na tablatura “oficial” mas antes isto:

K7d_pdxYgFk9mmdIu8kuAp3qD9NLjPO7ZS1HmNeh

O ornamento hit-pull no penúltimo compasso parece-me que não existe e pode ter sido que o transcritor tenha confundido uma repetição do delay com uma nota tocada.

A parte do tapping aparece como:

2eTDA_-WVjQ-R04cwOj-vVx5lEwK7er9V2dt9xWG

Mas apesar de ser isto que se percebe da gravação original, eu deduzo que a intenção do Kirk terá sido fazer um padrão caótico entre 12 – 7 – 10.

Partilha o conhecimento!

  • Gosto 1



  Denunciar Tutorial
Entra para seguir isto  

O que diz a comunidade sobre isto?


Antes de mais gostava de dar os meus parabéns pelo tutorial, numa matéria infelizmente pouco usual, que é um tutorial de "instrução e técnica" e de partilha de experiência sobre como aprender a tocar, neste caso um solo.

Pareceu-me uma excelente maneira de aprender um solo, especialmente quando às vezes o que se arranja na net não é 100% certo, especialmente em solos e coisas mais complexas. 

Partilhar este comentário


Link to comment
Partilhar nas redes sociais

Gostei do artigo foi excepcional. É interessante da forma como Foi explicado, de maneira bem fácil com exemplos práticos que você pode aplicar. eu tenho certeza que vai me ajudar bastante para melhorar,mas também que eu li um artigo interessante em um blog que falava de um assunto interessant aqui esta o link: https://7segredosmusicais.blogspot.com/2018/06/formas-infaliveis-de-melhorar-o-seu.html?m=1

Partilhar este comentário


Link to comment
Partilhar nas redes sociais


Regista-te ou entra para comentar!

Para deixar um comentário é necessário estar registado. É muito fácil!

Criar uma conta

Regista-te e vem fazer parte desta comunidade! É fácil!

Registar-me

Entrar

Já estás registado? Entra aqui!

Entrar agora


  • Conteúdo Recomendado:

    • Fidelis Pereira
      descobri esse músico recentemente, vejam como se mostra um ótimo músico. 
      músicos bons deveriam ser mais valorizados!!
      https://www.youtube.com/channel/UC7wqlxekDe-V-Sok4oP8Jrg
    • soucamalei
      Vivo em Leiria. Estou indecisa entre entrar na JBJazz (tenho oportunidade de ir para Lisboa), mas como não há possibilidade de estudar Blues em piano (pois há em guitarra) e o Jazz nunca me interessou muito (ajudou-me a aprender mínimas técnicas enquanto andava no Orfeão em Leiria em aulas livres)... O que eu sinto que precisava neste momento era aprender um bocado de teoria visto que quero melhorar o meu contributo na minha banda e no meu projeto a solo, e por isso se permanecer em Leiria entraria na Rockschool, porque me apela a liberdade de escolher o que queremos aprender.  Música é algo que me faz incrivelmente feliz, adoro escrever, compor, agora estudar por mim própria sempre me foi menos entusiasmante, mas sei que se soubesse mais de teoria me ajudaria no processo criativo... Agora o que não consigo decidir é entre seguir a música como profissão (não me vejo a tocar em orquestras coisas que se calhar não gosto), ou tirar um curso que me possa dar estabilidade no futuro... Alguém me pode dar sugestões de cursos para a minha situação, ou até mesmo conselhos de experiência na área.